Esportes Futebol

Vexame? Veja outras eliminações inesperadas do Goiás

[mp_script_post_header]

A eliminação precoce na Copa Sul-Americana com derrota para o Brasília, em pleno Serra Dourada, pegou muito esmeraldino de surpresa. O time goiano estava embalado após duas vitórias no Campeonato Brasileiro Série A, mas a má atuação diante do time do Distrito Federal foi imperdoável e o Goiás deixou a competição mais cedo que o previsto.

Ao longo de sua história, o time esmeraldino coleciona alguns tropeços em competições de mata-mata contra equipes teoricamente inferiores. A Copa do Brasil pregou peças no Goiás e a eliminação para o Brasília, pela Copa Sul-Americana, foi mais uma para a história do clube goiano.

Relembre algumas eliminações do Goiás em sistema mata-mata:

– Ituano na terceira fase da Copa do Brasil de 2015

Assim como o Brasília, o Ituano está fora das quatro divisões do Campeonato Brasileiro em 2015. Mesmo assim, a equipe paulista derrubou o Goiás na terceira fase da Copa do Brasil. Em uma atuação bem ruim, o time esmeraldino foi derrotado em Itu por 2 a 0 no jogo de ida. A decisão da vaga foi no Serra Dourada e o Goiás conseguiu vencer, mas por 3 a 1 e o gol marcado pelos paulistas em Goiânia deu a vaga ao time de Juninho Paulista.

– Botafogo-PB logo na primeira fase da Copa do Brasil de 2014

Em 2014, o Goiás caiu na primeira fase da Copa do Brasil para o Botafogo da Paraíba. O time esmeraldino perdeu o jogo de ida em João Pessoa com dois gols do argentino Frontini, hoje ídolo do rival Vila Nova. O Goiás novamente teve a oportunidade de reverter a situação em casa, mas não saiu do empate sem gols no Serra Dourada e mais um vexame para a conta.

– Londrina na primeira fase da Copa do Brasil de 2002

Um empate espetacular no Estádio do Café no jogo de ida, um 4 a 4 que dava muita vantagem ao Goiás. Mas o time esmeraldino voltou a decepcionar seus torcedores e com uma derrota, por 2 a 1, foi eliminado pelo Londrina em pleno Serra Dourada.

– Rio Branco do Acre na primeira fase da Copa do Brasil de 1997

Mais uma vez o pesadelo da primeira fase da Copa do Brasil, outra eliminação em casa. Desta vez o carrasco foi o modesto Rio Branco-AC. O time acreano venceu o jogo de ida por 1 a 0 e levou a vantagem para Goiânia. O Goiás venceu em casa, por 2 a 1, e o gol sofrido em Goiânia voltou a pesar contra os esmeraldinos.

– Democrata de Governador Valadares-MG na primeira fase da Copa do Brasil de 1995

Após ser finalista em 1990, a Copa do Brasil era uma competição que sempre gerava muita expectativa no torcedor esmeraldino. O Goiás ficou fora das edições de 1993 e 1994 e quando voltou saiu logo na primeira fase. O algoz da vez foi o Democrata de Governador Valadares, em Minas Gerais. Após perder o jogo de ida por 2 a 0, no Estádio Mamudão, o Goiás decidiu no Serra Dourada, mas venceu apenas por 1 a 0 e foi eliminado.


Talvez você também goste