24°C 15°C

São Paulo, SP

22°C 13°C

Curitiba, PR

26°C 17°C

Belo Horizonte, MG

29°C 15°C

Rio de Janeiro, RJ

26°C 15°C

Porto Alegre, RS

30°C 24°C

Salvador, BA

Quinta-feira, 05 de Janeiro de 2017 - 08h51

Tarifa de ônibus intermunicipais sobe em 945 linhas do estado de São Paulo

Agência Brasil

 

Os preços das tarifas de 945 linhas de ônibus intermunicipais da Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos de São Paulo (EMTU) serão reajustados a partir de domingo (8). O aumento afeta passageiros da Baixada Santista, de Campinas, Sorocaba,  do Vale do Paraíba,  Litoral Norte e da Grande São Paulo. 

 

A Secretaria Estadual dos Transportes Metropolitanos informou que a elevação dos preços foi necessária por causa da alta dos custos de insumos como mão de obra, combustível e veículos, além de cláusulas contratuais com as permissionárias.

 

Na Baixada Santista, 68 linhas e o Veículo Leve Sobre Trilhos (VLT) sofreram reajuste de 6,52%. Os valores da passagem variam conforme a extensão do trecho, e o VLT passará a custar R$ 4,05. Na região de Campinas, 146 linhas de ônibus intermunicipais tiveram reajuste de 7,06%, com preços variando conforme o trecho.

 

A região de Sorocaba tem 84 linhas e a região do Vale do Paraíba e Litoral Norte tem 76 linhas. O reajuste nessas localidades será de 6,81%. Os valores das passagens também variam de acordo com a extensão.

 

Grande São Paulo

Na Grande São Paulo e região do ABCD, operam 571 linhas. Nas cidades Juquitiba, São Lourenço da Serra, Embu-Guaçu, Itapecerica da Serra, Embu, Taboão da Serra, Vargem Grande Paulista e Cotia, o reajuste será de 6,65%. Os municípios Cajamar, Caieiras, Itapevi, Jandira, Carapicuíba, Osasco, Barueri, Santana de Parnaíba, Pirapora do Bom Jesus, Francisco Morato e Franco da Rocha terão aumento de 6,58%.

 

As linhas dos municípios Guarulhos, Arujá, Mairiporã e Santa Isabel terão alta de 7,18%. Nas cidades de Ferraz de Vasconcelos, Itaquaquecetuba, Poá, Mogi das Cruzes, Guararema, Biritiba Mirim, Salesópolis e Suzano, o reajuste vai ser 6,64%.

 

Na Região do ABCD, que inclui Diadema, São Caetano do Sul, São Bernardo do Campo, Santo André, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra, a tarifa das 13 linhas passa a ser de R$ 4,30. A integração entre as linhas dos sistemas municipal e metropolitano com esse corredor nos Terminais São Mateus, Piraporinha e Diadema será R$ 1,00.

 

O valor da integração entre Metrô e as 12 linhas metropolitanas que têm ponto final no Terminal Capão Redondo e as cinco linhas do Terminal Campo Limpo será de R$ 1,12. O desconto da integração entre as linhas metropolitanas e o sistema metroferroviário, no período de três horas, por meio do Cartão Metropolitano do Transporte (BOM nos Trilhos) será de R$ 1,50.

  

publicidade:

publicidade:

publicidade: