Mundo Notícias

Contato com avião se perdeu 20 minutos antes de queda

[mp_script_post_header]

O contato com os pilotos do avião da Germanwings que caiu nesta terça-feira (24), nos Alpes franceses com 150 pessoas a bordo se perdeu às 10h31 (horário local, 6h31 de Brasília), 20 minutos antes da queda, informou nesta quarta-feira (25) a ministra de Ecologia da França, Ségolène Royal.

A torre de controle da cidade francesa de Aix-en-Provence, no sul do país, pôde falar pela última vez com a cabine às 10h30 (6h30 de Brasília), em um momento em que o avião se encontrava a 11.400 metros de altitude.

Os controladores, como afirmou Royal na emissora RMC, indicaram aos pilotos que mantivessem esse nível de voo e que se pusessem em contato com a torre posteriormente, e receberam a confirmação da cabine.

Um minuto depois, no entanto, o avião começou a descer sem autorização, e os pilotos, segundo a ministra, não responderam aos chamados dos controladores quando estes lhes perguntaram pela perda de altura.

Às 10h40 (6h40 de Brasília), o avião, a 2.000 metros de altitude, desapareceu dos radares, e nove minutos depois helicópteros do pelotão de alta montanha da cidade de Jausiers, um caça Mirage 2000 e um avião de provisão decolaram em sua procura.

O dispositivo desdobrado, segundo seu relato, encontrou às 11h10 (7h10) os destroços do aparelho, que se chocou contra o maciço de Trois Evêches, no departamento francês de Alpes de Haute-Provence.

O avião fazia a rota entre Barcelona (Espanha) e Düsseldorf (Alemanha), e a maioria de seus passageiros nesse voo da filial de baixo custo da Lufthansa eram alemães que retornavam a suas casas após passar alguns dias em Barcelona e Palma de Mallorca.


Talvez você também goste