29°C 16°C

São Paulo, SP

28°C 16°C

Curitiba, PR

27°C 16°C

Belo Horizonte, MG

31°C 17°C

Rio de Janeiro, RJ

24°C 20°C

Porto Alegre, RS

30°C 24°C

Salvador, BA

Sexta-feira, 28 de Outubro de 2016 - 10h07

Como funcionam os tratamentos de cosméticos para pele oleosa ou com acne

Redação Mundo Positivo


Acne e oleosidade excessiva na pele do rosto -- e às vezes também em locais como costas e ombros -- são um desconforto estético e de saúde que atinge homens e mulheres, geralmente tendo início na adolescência, e que requer cuidados. O correto é fazer consultas periódicas com um profissional de estética, para que o problema seja tratado da melhor forma, com altas chances de sucesso. 

 

“Existem graus de pele oleosa e acneica, que vão desde um simples brilho que denota um pouco de oleosidade até cravos e espinhas com diferentes níveis de inflamação. O tratamento deve iniciar com uma rotina de limpeza para proteção e estimulação da primeira barreira de defesa da pele, por prevenir a colonização de bactérias com ação anti-inflamatória e a renovação celular, promovendo assim a limpeza total da pele, além de dermocosméticos com ativos combinados para tratamento”, afirma Joyce Rodrigues, farmacêutica e cosmetóloga consultora da Netfarma.

 

“A pele oleosa produz o sebo de forma exacerbada, por meio das glândulas sebáceas, e o acúmulo de bactérias dá formação às acnes. Esse tipo de pele exige tratamento específico e personalizado, por isso é importante que você consulte um profissional especializado para avaliar o tratamento adequado para o seu tipo de pele”, complementa.

 

A especialista explica o passo a passo de cuidados cosméticos com a pele oleosa ou acneica, veja: 


Limpeza

Limpar a pele é fundamental, pois só assim é possível remover as impurezas e o excesso de oleosidade, a fim de evitar a formação de cravos e espinhas. “Todas as peles precisam de limpeza, de manhã e à noite, mas esse cuidado é ainda mais fundamental para as peles oleosas ou acneicas”, explica a consultora. 


Gel de limpeza

Por ter uma textura mais leve, o gel de limpeza costuma ser recomendado para as peles oleosas ou com acne. Na hora de limpar, deve-se espalhar o gel com delicadeza, para não irritar a pele, e caprichar na chamada zona T (testa, nariz e queixo), onde os cravos e espinhas costumam se formar. Ativos como Ácido Salicílico, Bioecolia e Niacinamida promovem benefícios como ação anti-inflamatória, renovação celular, controle da acne além de inibir a produção de sebo.

 

Mousse 

Assim como o gel, a mousse de limpeza também tem textura leve, por isso também costuma ser uma boa opção para as peles oleosas. Ativos como Melaleuca, Zinco, Cobre, Potássio e Ácido Láctico possuem a capacidade de retenção hídrica, que alivia o ressecamento natural da pele, além de regularizar a oleosidade e controle da acne. 

 

Tônico adstringente

Após a limpeza, é bom tonificar a pele todos os dias, de manhã e à noite, com um adstringente. Ele vai complementar a limpeza da pele oleosa. “Vale evitar loções que contenham álcool. Além de ressecar a pele, produtos com álcool ativam as glândulas sebáceas, aumentando ainda mais a oleosidade da pele”, explica a cosmetóloga.

 

Hidratação

Ao contrário do que se pode pensar, a pele oleosa precisa de hidratação. Enquanto para as peles secas é possível utilizar hidratantes com textura mais espessa, como cremes, as fórmulas leves são as indicadas para peles mistas ou oleosas.

 

Hidratante oil free

São os mais indicados para as peles oleosas, já que esse tipo de pele pede produtos livres de óleo (oil free). Os séruns costumam funcionar bem para a pele oleosa, pois, ao contrário dos cremes, têm rápida absorção e não são “pesados”. “ O mais indicado para peles oleosas são produtos não comedogênicos , ou seja, que não obstruem os poros”, explica a especialista.

 

Água Hidratante matificante

É um produto recomendado, pois possui um efeito imediato e também a longo prazo, deixando a pele uniforme e sem brilho por mais tempo. 

publicidade:

publicidade:

publicidade: