33°C 19°C

São Paulo, SP

32°C 20°C

Curitiba, PR

32°C 20°C

Belo Horizonte, MG

37°C 20°C

Rio de Janeiro, RJ

35°C 22°C

Porto Alegre, RS

31°C 24°C

Salvador, BA

Segunda-feira, 24 de Setembro de 2018 - 10h10

Brasil condena atentado que deixou 25 mortos no Irã

Agência Brasil

 

O governo brasileiro repudiou, em nota, o ataque terrorista de sábado (22) em Ahvaz, no sudoeste  do Irã. O comunicado do Ministério das Relações Exteriores rechaça a motivação da ação e diz que nada justifica os atos. O atentado provocou 25 mortos até o momento, além de 60 feridos.

 

“O governo brasileiro condena com veemência o atentado ocorrido”, diz a nota. “Ao expressar suas condolências às famílias das vítimas, seus votos de plena recuperação aos feridos e sua solidariedade com o povo e o governo do Irã, o Brasil reitera seu repúdio a todo e qualquer ato de terrorismo, independentemente de sua motivação.”

 

A Agência EFE informou no domingo (23) que o presidente do Irã, Hassan Rohani, disse que os os autores do atentado de ontem são ligados a um grupo separatista árabe apoiado pela Arábia Saudita. "Sabemos quem são os autores e instrutores e, sem dúvidas, o Irã não deixará este derramamento de sangue sem resposta", advertiu Rohani em Teerã antes de viajar para Nova York para participar da Assembleia Geral das Nações Unidas, em Nova York.

 

O atentado contra um desfile militar na cidade de Ahvaz, no sudoeste do país foi reivindicado pelo grupo jihadista Estado Islâmico (EI), mas as autoridades iranianas responsabilizaram o movimento separatista árabe Alahvazie. 

 

Sobre a resposta do Irã, o presidente explicou que esta será "dentro da lei e dos interesses do país". Segundo ele, durante a guerra entre Irã e Iraque (1980-1988) esse grupo separatista apoiou o regime iraquiano de Saddam Hussein contra Teerã e cometeu crimes. "Até Saddam morrer, foram seus mercenários, e depois mudaram de senhores e um país do golfo Pérsico assumiu seus assuntos financeiros, de armas e políticos", disse em referência à Arábia Saudita.



publicidade:

publicidade:

publicidade: