32°C 17°C

São Paulo, SP

29°C 15°C

Curitiba, PR

30°C 17°C

Belo Horizonte, MG

34°C 17°C

Rio de Janeiro, RJ

36°C 20°C

Porto Alegre, RS

26°C 21°C

Salvador, BA

Quarta-feira, 19 de Julho de 2017 - 16h13

3 dicas para evitar a dor de cabeça causada pela azia

Redação Mundo Positivo


De acordo com a Associação Internacional para o Estudo da Dor, 50% da população mundial sofre de dor de cabeça pelo menos uma vez por ano e 90% relatam um histórico permanente do sintoma. Esse desconforto muitas vezes vem do estômago e pode estar relacionado a hábitos alimentares comuns do nosso dia a dia.

 

A gerente médica da GSK, Ana Santoro, levantou três dicas rápidas para ajudar a evitar que seu Natal e Réveillon se tornem uma dor de cabeça. Confira:

 

1 - Jejum

Ficar longos períodos sem comer aumenta as chances de azia. O jejum prolongado provoca o acúmulo de ácido gástrico no estômago, causando refluxo e irritando o esôfago. O aconselhado é comer a cada três horas para manter o sistema digestivo funcionando corretamente.


2 - Bebidas carbonatadas

Bebidas carbonatadas como refrigerantes são grandes vilãs do estômago. A acidez desse tipo de bebida pode gerar desconforto no sistema gástrico impactando também em dores de cabeça.


3 - Beber café após as refeições
O café provoca irritação da mucosa do esôfago e aumenta a secreção estomacal, provocando azia, que pode acabar ocasionando dor de cabeça. O recomendado é a ingestão de no máximo duas xícaras de café diariamente.


“Caso a dor de cabeça de origem estomacal já esteja incomodando, no entanto, a sugestão é utilizar antiácidos que também contenham ácido acetilsalicílico. É o caso de Sonrisal, disponível hoje nas farmácias de todo o Brasil. Ele possui efeito 2 em 1, combate a azia e a má digestão ao mesmo tempo em que dribla a dor de cabeça”, esclarece a médica.

publicidade:

publicidade:

publicidade: