20°C 15°C

São Paulo, SP

17°C 11°C

Curitiba, PR

32°C 21°C

Belo Horizonte, MG

24°C 18°C

Rio de Janeiro, RJ

22°C 11°C

Porto Alegre, RS

29°C 23°C

Salvador, BA

Quinta-feira, 03 de Novembro de 2016 - 16h58

7 maneiras simples de proteger o seu computador

Publieditorial

Foto: Mundo Positivo

 

Desde 2015, o Brasil detém o título de país com mais incidentes de ataques via Internet. Em apontamentos realizados entre os meses de janeiro e agosto do mesmo ano, a empresa de segurança Internet Kaspersky Lab identificou 27 milhões de registros obtidos por causa de vírus de computador. Isso significa que o brasileiro possui mais de 30% de chances de ter o seu PC infectado por alguma ameaça online.

 

Para previner-se e navegar com traquilidade, confira a seguir, sete dicas de como se proteger de cibercriminosos no dia a dia:

 

1. Mantenha o seu antivírus sempre atualizado

Um estudo recente realizado pela fornecedora de soluções de segurança digital, a G Data, aponta que a cada cinco segundos um vírus é criado despejado na maior rede de informações do mundo, no caso, a Internet. É por isso que os antivírus precisam estar sempre atualizados, afinal, eles são capazes de barrar essas ameaças virtuais em questão de segundos. Para ficar protegido, basta habilitar a opção de atualização automática do antivírus e navegar na web com tranquilidade. 

 

2. Use senhas fortes

Ao criar uma senha de acesso, esqueça as sequências numéricas (12345, 0102030405), os nomes de familiares e de personagens, as datas comemorativas e até mesmo termos religiosos. Estimativas dizem que a grande maioria das pessoas usam senhas fracas para logins, o que diminui consideravelmente a segurança das contas delas.

 

Para uma senha ser considerada forte e segura ela precisa ter pelo menos oito caracteres e ser formada por uma combinação de números, letras e caracteres especiais como ponto, espaço, hífen, símbolos, etc. As senhas também devem ser trocadas com frequência e nunca devem ser compartilhadas, nem mesmo com pessoas de confiança.

 

LEIA MAIS

Quais são os tipos de vírus de computador?
+ Os 10 maiores mitos sobre vírus de computador

Saiba como fazer uma varredura online em seu computador
Veja quais são os assuntos mais usados por cibercriminosos para "pescar" usuários

 

3. Desconfie de computadores públicos e Wi-Fi gratuito

Por mais que seja difícil resistir a Wi-Fi gratuito, desconfie quando a rede não solicitar nenhuma senha de acesso para usá-la, porque, na maioria das vezes, essa “internet bondosa” é uma armadilha para que cibercriminosos consigam acessar o seu computador, notebook ou dispositivo móvel sem que você perceba. Afinal, quando usa-se um computador público ou um Wi-Fi sem senha, é possível conectar-se a outro computador -- ao mesmo tempo -- e estabelecer contato com pessoas mal-intencionadas. 


4. Cuidado com e-mails falsos

E-mails falsos são usados com frequência na web, justamente, para levarem os usuários a caírem em "armadilhas virtuais". Esses e-mails, geralmente, oferecem prêmios e promoções, e são acompanhados de links de cadastro ou download. A finalidade deles é roubar dados pessoais e bancários para aplicar golpes. Por isso, fique atento se o e-mail recebido possui erros de português ou links para sites estranhos. 

 

5. Não acesse links desconhecidos

Já foi comprovado que os criminosos online aproveitam-se de e-mails para enviar links e arquivos a fim de infectar os computadores dos usuários. Então, não confie em mensagens que não esteja à espera, já que hackers podem invadir contas de amigos e espalhar vírus de maneira eficiente, sem que alguém desconfie.

 

6. Sempre use o botão “sair” ou “logoff”

Uma dica simples que pode ajudá-lo é usar o botão de sair, ou em alguns casos, logout e logoff para se desconectar de sites, contas online, fóruns e redes sociais. Ao fazer isso, você protege seus dados pessoais e evita que outras pessoas acessem sua conta.

 

7. Fique de olho nos downloads

Seja para download de um aplicativo, programa, música, filme ou episódio de seriado, o alerta é o mesmo. Por mais que os passos de instalação sejam seguidos corretamente, desconfie de downloads gratuitos em sites desconhecidos ou vindos de plataformas as quais você nunca tenha ouvido falar. Caso opte por fazer isso, tenha um antivírus intalado e conectado para evitar futuras dores de cabeça. 

 

Gostou da matéria? Siga a McAfee no Twitter e fique sempre por dentro das dicas de segurança digital

 

Quer saber mais sobre segurança na internet? A McAfee, maior empresa especialista em tecnologia de segurança do mundo, tem dicas e soluções que ajudam a proteger os consumidores e as empresas de todos os tamanhos contra os malwares e as ameaças online mais recentes. Para mais informações, acesse o site: http://www.mcafee.com/br.


publicidade:

publicidade:

publicidade: