Brasil Notícias

Deputados reinstalam Comissão Parlamentar da Verdade

[mp_script_post_header]

Um ato público marcou hoje (1º) a reinstalação da Subcomissão Parlamentar Memória, Verdade e Justiça. Criada em outubro do ano passado, a chamada Comissão Parlamentar da Verdade tem por objetivo acompanhar os trabalhos da Comissão Nacional da Verdade (CNV). A reinstalação da comissão foi mais uma das atividades feitas no parlamento relativas aos 50 anos do golpe militar de 1964.

Durante a reinstalação, os parlamentares cobraram a revisão da Lei de Anistia. A deputada Luiza Erundina (PSB-SP), autora do requerimento que criou a comissão, cobrou do Congresso uma postura mais firme na cobrança de uma nova leitura da lei. “E preciso um compromisso real da instituição com o resgate da memória, da perspectiva de se fazer justiça com a reinterpretação da Lei da Anistia, que está engavetada nas comissões”, disse Erundina, que é autora de projeto de lei que acaba com a anistia para os responsáveis pelos crimes contra presos políticos.

O deputado Nilmário Miranda (PT-MG) disse que a revisão daria uma resposta mais efetiva às famílias dos desaparecidos políticos durante a ditadura militar. “Nós podemos e devemos. Nós temos obrigação e dever de buscar a revisão da anistia”, ressaltou.

Hoje o Congresso instalou um busto em homenagem ao ex-deputado Rubens Paiva. O ato faz parte da semana de atividades em que o Congresso recorda os 50 anos do golpe militar de 1964.


Talvez você também goste