Pets

Saiba quando a queda de pelo significa que algo está errado com o seu pet

[mp_script_post_header]

Se você é um tutor de pet de primeira viagem, talvez se assuste um pouco com a queda de pelo do seu animalzinho. No entanto, é bom lembrar que todo cão, de toda raça, passa por um processo natural de reposição da pelagem.

Algumas raças, no entanto, soltam mais pelos. O chow chow, o golden retriever e o cocker são algumas delas. E se engana quem pensa que esse fato é mais comum entre os cães de grande porte. Ao contrário, os pequenos, como os chihuahua e os beagles também passam por este processo.

Embora seja um processo natural, o excesso da queda de pelo pode ser indicativo de que algo não está bem com o seu pet. E é necessário manter-se atento a esses sintomas.

Quando a queda de pelo é normal

Durante o ano, o organismo dos cães costuma se preparar, naturalmente, para os períodos de mais frio e de mais calor. Isso, porque o pelo é um isolante térmico tanto para os dias de inverno quanto para os de verão.

Por isso, quando o inverno está se aproximando, eles costumam fazer uma troca de pelo. Da mesma forma, no verão, quando as temperaturas estão mais altas, os cachorros também fazem essa troca.

Logo, nestes períodos, é absolutamente normal que os cães apresentem queda de pelo. E, neste caso, são chamadas quedas sazonais.

Quando a queda de pelo é motivo de preocupação

Mesmo sendo um processo natural, é importante que o tutor fique atento às perdas de pelo, porque elas podem indicar que o organismo canino não está muito saudável. Neste caso, observe se o pelo está caindo em períodos em que não há nenhuma mudança climática mais brusca.

Também verifique se os pelos caem de forma irregular. Por exemplo, se em uma região específica eles estão mais escassos do que em outras.

Tente perceber também se os cães estão se coçando muito nesta região em que há perda de pelo. Inchaços e vermelhidões também devem ser procurados.

O que pode estar provocando a queda de pelo

Diversos são os fatores que podem estar provocando a queda de pelo nos cães. Nós elencamos algumas delas a seguir.

Dermatites caninas

As dermatites são inflamações na pele dos cães e podem ter várias causas, como a picada de carrapatos, a presença de fungos e bactérias na pele ou no ambiente. No entanto, quase sempre as dermatites geram queda de pelos.

Nestes casos, é muito importante levar o pet no veterinário. Só o médico pode indicar as melhores formas de tratar a doença.

Reação alérgica a alimentos

Às vezes, a queda de pelo está relacionada a uma alergia alimentar. Observe bem quais os alimentos que o seu pet está ingerindo. Fique atento às trocas de ração e aos petiscos.

É também preciso ficar atento se você tem o costume de dar comida de humano para eles. A queda de pelo pode estar relacionada a isso.

Carrapatos e pulgas

Carrapatos e pulgas coçam e transmitem algumas doenças. E muitos cães respondem à presença desses ectoparasitas com danos ao pelo. Eles se mordem e coçam tanto que a pelagem acaba caindo.

Se você observar que seu cão está sofrendo com esses parasitas, é indispensável levá-lo ao veterinário que este profissional indique os melhores tratamentos com remédios.

Carência de vitaminas

Se seu cão não tem uma alimentação muito equilibrada, é possível que ele acabe desenvolvendo alguns problemas na pele, inclusive queda de pelo. Neste caso, é imprescindível que você o leve a um médico veterinário para fazer exames de sangue e identificar as possíveis causas e os tratamentos mais adequados.

Estresse canino

Parece um pouco estranho, mas os cães também sofrem com problemas emocionais que nós humanos temos, como o estresse e a ansiedade.

Se o cão está passando por uma mudança de rotina mais séria, como ausência de um tutor ou mesmo mudança de casa, é provável que ele se entristeça ou se estresse, gerando a perda de pelo.

Como combater a queda de pelo nos cães

É sempre importante escovar o pelo dos cães. Com isso, o tutor auxilia no processo natural de renovação da pelagem.

Além disso, já existem alguns xampus especiais que prometem ajudar no combate à queda de pelo. Também é possível encontrar remédios que controlam a perda da pelagem, mas, neste caso, é sempre recomendado consultar um veterinário.

Viu como é importante ficar atento à queda de pelo de seu cãozinho?

Leave a Comment

Your email address will not be published.


Talvez você também goste