Esportes Futebol

Tite diz que recusaria a presença de Bolsonaro na comemoração de um título

Foto: Reprodução/Instagram

O comandante da Seleção, Tite, tentou se manter longe das polêmicas, e apenas afirmou que não comemoraria um título ao lado do presidente Bolsonaro, como fez o Palmeiras na conquista do Brasileirão.

Segundo o técnico, o esporte não deve se misturar com a política. “Continuo com a mesma opinião, minha atividade não se mistura, não mistura. Eu tenho opinião, mas não quero e não devo dar opinião (sobre a presença de Bolsonaro em campo). Tem uma série de valores éticos, morais e competitivos”, afirmou Tite.

A convite do clube alviverde, Bolsonaro foi o responsável por entregar a taça do título do campeonato brasileiro nesse domingo (2).


Talvez você também goste