Mundo Notícias

Equipes de resgate retomam busca por destroços do Airbus nos Alpes franceses

[mp_script_post_header]

Reporteres se aproximam do centro de resgate em Seyne-les-Alpes, na França, enquanto as equipes de resgate se preparam para recomeçar os trabalhos de busca por corpos e partes da fuselagem do Airbus A320

As equipes de resgate em terra retomaram hoje (25) as buscas pelos restos do avião da Germanwings, que caiu ontem (24) nos Alpes franceses quando fazia o trajeto entre Barcelona e Düsseldorf.

O movimento de veículos intensificou-se a partir das 7h (2h em Brasília), assim que o sol nasceu na localidade de Seyne-les-Alpes, a poucos quilômetros do lugar do acidente e onde se encontram os serviços de resgate.

O porta-voz do Ministério do Interior, Pierre-Henry Brandet, informou que, neste momento, as equipes preparam o terreno para que helicópteros possam pousar nas proximidades e dar início aos voos de busca.

Uma equipe de gendarmes (polícia militarizada) retomou a rota a pé até o local, depois de, durante a noite, ter sido obrigada a parar devido à neve.

As autoridades consideram baixas as probabilidades de algum dos ocupantes do avião ser encontrado com vida. As equipes de resgate tentam abrir caminho até a área onde se encontram, quase pulverizados, os restos do Airbus A320.

As autoridades francesas organizaram um serviço de apoio em Seyne-les-Alpes para acolher parentes das vítimas que queiram deslocar-se à região.

Para hoje está prevista também a chegada ao local do presidente francês, François Hollande, da chanceler alemã, Angela Merkel, e do primeiro-ministro espanhol, Mariano Rajoy.


Talvez você também goste