Ciência & Tecnologia Tecnologia

7 dicas para evitar pegar vírus no Facebook

Com a imensa quantidade de conteúdo compartilhado, postado e curtido pelos nossos amigos na rede, fica difícil ficar muito tempo longe do Facebook. A rede social é a mais usada do país, mas nem por isso ela fica longe dos ‘vírus‘, ou seja, programas maliciosos que são criados com o objetivo de roubar suas informações.

Quem acha que o Facebook não pega vírus está muito enganado! Mas você sabe como evitar cair nessa cilada? Confira algumas dicas!

LEIA MAIS

+ Conheça a mais nova função do WhatsApp
+ Saiba como cancelar uma mensagem de voz no WhatsApp
+ Saiba como ativar jogo secreto no Messenger do Facebook

1. Fique de olho nas atividades suspeitas do seu perfil

Disfarçados de plugins para os navegadores Chrome e Firefox, alguns vírus saem curtindo páginas e compartilhando links na linha do tempo da vítima, ou até por meio de eventos e janelas de bate-papo. Se você percebeu que está enviando mensagens esquisitas mas não se lembra de tê-las mandado, é possível que sejam esses vírus.

2. Utilize algumas ferramentas do Facebook para se proteger

Por causa dessas reclamações, o próprio Facebook criou no ano passado o AV Marketplace, uma página em que é possível baixar programas de antivírus que funcionam na rede social.

Foto: Reprodução/TV Globo

3. Desconfie de algumas ‘funcionalidades’

Algumas extensões para navegador, links com aplicativos para mudar a cor do perfil do seu Facebook e até programas que prometem mostrar quem andou xeretando seu perfil, por exemplo, são falsos e podem conter vírus.

4. Viu uma notícia muito sensacionalista? Não clique

Uma das principais formas que hackers tem de roubar informações dos perfis das vítimas é por meio da publicação de notícias sensacionalistas demais, como um artista famoso que morreu. Se você vir esse tipo de informação e ficar curioso, procure a notícia no google ou em algum site de sua confiança antes de clicar.

5. Desconfie de links que não possuem imagens

Muitas vezes algumas coisas básicas podem evitar que você caia no ‘golpe’. Desconfie de conteúdos que são postados com muita frequência e não possuem imagens, ou tem um link com nome esquisito, que geralmente pode até alterar o nome de algum site de notícias confiável para fingir credibilidade. Por exemplo, o que deveria ser “globo.com” aparece como “glbo.com”.

Foto: Reprodução/TV Globo

6. Fuja do excesso de marcações

Desconfie também se aparecer algum conteúdo em que muitas pessoas aparecem marcadas no link. Os vírus se utilizam da desatenção da vítima para republicar o conteúdo marcando todas as pessoas da sua rede de amigos – assim, mais pessoas vão clicando e se infectando.

7. Como me livrar do vírus no Facebook?

Caso você tenha clicado num link malicioso e percebeu que pegou algum vírus, comece por alguns passos simples:

No topo direito do Facebook, acesse “Configurações da conta” e, depois, “Aplicativos”. Apague todos os programas estranhos que tenham aparecido. Depois, vá até as extensões do seu navegador e exclua também os aplicativos de lá. Após excluir tudo isso, mude suas senhas. Ao final, instale um antivírus de sua confiança e espere ele fazer uma varredura pelo sistema.

Foto: Reprodução/TV Globo


Talvez você também goste