Mundo Tech Tecnologia

Vingadores: Ultimato bate Titanic e é a segunda maior bilheteria da história

Vingadores: Ultimato bate Titanic e é a segunda maior bilheteria da história - 1

Vingadores: Ultimato passou a marca de Titanic e agora é a segunda maior bilheteria da história. O filme de James Cameron mantinha a posição desde 2009, quando foi descoroado por Avatar, também do mesmo diretor. Segundo levantamento do Mashable, o longa da Marvel bateu a marca total de US$ 2,188 bilhões até o momento, passando por pouco o total de Titanic, com US$ 2,187 bilhões.

Vale lembrar, contudo, que Ultimato está apenas no segundo final de semana de estreia, com estimativas de que ele ainda permaneça pelo menos mais uma semana em alta. Por conta disso, as apostas agora são de que o último filme possa superar a bilheteria de Avatar e se tornar o filme com maior público da história.

Para isso, o longa ainda precisa vencer uma caminhada de US$ 600 milhões em receita e chegar a US$ 2,788 bilhões, recorde do filme de 2009. Se mantiver a marca, com mais um final de semana de sucesso, é possível que Ultimato não só se torne o filme mais rentável, mas também seja o primeiro a fazer US$ 3 bilhões em bilheteria. Contudo, isso ainda é apenas especulação.


Participe do GRUPO CANALTECH OFERTAS no WhatsApp e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.

Vingadores: Ultimato tem mantido uma boa margem de receita. No primeiro final de semana ele fez US$ 1,2 bilhão, sendo o mais rápido a alcançar essa marca. Segundo levantamento do Box Office Mojo, todos os 22 longas da Marvel já renderam à empresa mais de US$ 20 bilhões em receita. A Marvel investiu cerca de US$ 4,5 bilhões para criar esse universo, o que quer dizer que ela já tem um lucro de mais de US$ 15 bilhões em 10 anos, pelo menos US$ 1,5 bilhão líquido anualmente.

O longa foi lançado no dia 25 de abril nos cinemas brasileiros. Se você quiser saber mais sobre a trama, o Canaltech conta com uma crítica sem spoilers.

Mais:

Fonte: Canaltech


Talvez você também goste