Comportamento Saúde & Bem-estar

Hoje tem? Então evite 15 alimentos que derrubam a libido

Os alimentos podem afetar o desejo sexual tanto de maneira positiva quanto negativa. Muito se fala dos afrodisíacos, como as ostras, mas você sabe quais evitar se planejar ter uma noite a dois? A nutricionista Elouise Bauskis, do NutriCentre, listou 15 itens que devem ficar de fora do cardápio quando se quer ter um bom desempenho na cama. Veja os dados publicados pelo jornal Daily Mail:

Feijão

 Foto: iStock

Foto: iStock

No caso do feijão, tudo depende de como a pessoa o digere, segundo a nutricionista. “Alguns vão se sentir cheios de energia depois de uma refeição cheia de feijão. Outros podem se sentir lentos ou, na pior das hipóteses, inchados e até mesmo com um aumento na flatulência, então melhor evitar.”

Alcaçuz preto

A ingestão de alcaçuz preto é associada a níveis mais baixos de testosterona. Quanto mais testosterona, mais forte o desejo sexual, tanto para homens quanto para mulheres.

Menta

O mentol da menta pode reduzir os níveis de testosterona, diminuindo o desejo sexual. E, enquanto o mau hálito pode atrapalhar o encontro romântico, chiclete para mascarar o problema não ajuda em nada, já que mascar traz mais ar para dentro, tornando-o propenso a arrotar.

Água tônica

Muitas vezes contém quinino, que já foi ligado a uma diminuição da função sexual. Por isso, evite antes do sexo.

Chocolate

 Foto: iStock

Foto: iStock

Escolha o chocolate com cuidado, pois nem todos são ruins. Prefira o amargo com, no mínimo, 70% de cacau, que é a forma mais nutritiva para consumir a delícia. “O chocolate é rico em L-triptofano, que é um precursor da serotonina. Quando temos bons níveis de serotonina, nos sentimos mais felizes e isso diminui os níveis de estresse. A opção amarga também contém etilamina fenil, que é o mesmo composto que causa sensação boa que o corpo produz durante os primeiros momentos da paixão.”

Tofu

Quando consumida em excesso, a soja pode diminuir os níveis de testosterona, prejudicando a libido.

Alimentos enlatados

Alimentos processados fornecem pouco valor nutritivo, além de estarem energicamente “mortos”. Isso definitivamente não vai aumentar a sua vitalidade, nem a sua vida sexual.

Cachorro-quente

 Foto: iStock

Foto: iStock

O conteúdo saturado alto do cachorro-quente pode entupir as artérias vaginais e penianas, o que não colabora em nada com a noite a dois. “Todos os alimentos processados são um ‘não’ para a libido. Você pode se sentir lento e com pouca energia, o que não é bom para se sentir sexy”, comentou a nutricionista.

Batata frita

É um alimento excessivamente processado, que tem um índice glicêmico muito alto, o que significa que libera energia muito rapidamente no corpo. “Você pode sentir-se inicialmente bem ao comê-la, mas, logo depois, seus níveis de energia vão cair rapidamente, deixando-o para baixo”, disse a nutricionista. “Além disso, você pode não se sentir bem se for preparada em óleo de má qualidade, o que pode fazer com que você se sinta lento e com indigestão.”

Carne vermelha

 Foto: iStock

Foto: iStock

Depende de como você se sente depois de comer carne. Para alguns, ela irá energizar, fornecendo o ferro, que irá aumentar a oxigenação de todo o corpo. Quem não tem uma boa função digestiva pode se sentir letárgico.

Vinho tinto

Vinho tinto em excesso pode estragar a noite. Mas, de maneira moderada, pode aumentar o fluxo sanguíneo, relaxando e reduzindo inibições. Aí sim vale a pena!

Aveia

Apesar de mantê-lo cheio de energia, a aveia não vai aumentar diretamente a sua libido. Além disso, o alto teor de fibras pode levar a problemas com gases.

Queijo

 Foto: iStock

Foto: iStock

Laticínios geralmente são “assassinos” da libido. Para muitos, são congestionantes e produtores de muco, o que não é a maneira ideal para se sentir antes do sexo.

Bebida energética

Repleta de açúcar e cores e sabores artificiais. Podem fornecer energia instantânea, mas isso pode ser de curta duração.

Brócolis

O brócolis contém açúcares que são semelhantes aos do feijão e, para digeri-los, o corpo precisa usar bactérias que liberam metano, causando flatulência. Portanto, melhor evitar o alimento antes de ir para a cama com o parceiro. No dia a dia, o brócolis deve ser consumido, porque ajuda o corpo a se desintoxicar naturalmente. “É rico em fitoquímicos, como o sulforafano e indol-3-carbinol, que podem ajudar a diminuir o excesso de estrogênio no organismo. Comer muito brócolis pode ter um efeito positivo sobre a saúde da próstata e ajudar a prevenir doenças cardíacas. Um ótimo alimento para comer para melhorar sua saúde hormonal geral”, disse a nutricionista Elouise.


Talvez você também goste