Esportes

Taça é recebida por Rivellino em São Paulo: “A de 70 era mais bonita”

[mp_script_post_header]

Depois de ser exposta em 26 capitais brasileiras, a taça da Copa do Mundo finalmente chegou à cidade que abrigará o jogo de abertura, dia 12 de junho, entre Brasil e Croácia. Com a presença de Rivellino, campeão mundial em 1970, o troféu mais cobiçado do futebol começou a ser exposto na manhã desta quinta-feira, no Shopping Metrô Itaquera, localizado a poucos metros da Arena Corinthians, palco do jogo inaugural. “Graças a Deus, tenho o privilégio de tocar na taça”, afirmou Rivellino durante a cerimônia que marcou a inauguração da exposição na capital paulista, que se encerra no próximo sábado, dia primeiro de junho. Desenhada pelo italiano Silvio Gazzaniga, a atual taça foi levantada pela primeira vez no Mundial de 1974, na Alemanha, e substituiu a Jules Rimet, que ficou com o Brasil após o tricampeonato em 1970, mas acabou roubada da sede da CBF, em 1983, e derretida pelos ladrões. “Eu considero a de 70 mais bonita”, disse Rivellino momentos antes de levantar a taça. “Quando eu apresento a taça, volto para 70”. Confiante, o ídolo de Corinthians e Fluminense espera que a taça volte para as mãos dos brasileiros, o que aconteceu pela última vez em 2002, quando a Seleção comandada por Felipão conquistou o título na Copa da Coreia e Japão. “Esperamos que dia 13 de julho (data da final da Copa, no Maracanã) nosso grande capitão, Thiago Silva, possa levantá-la”, afirmou Rivellino. Além da taça, as pessoas que visitarem a exposição poderão ver as bolas de todos os Mundiais a partir de 1970, incluindo a Brazuca, que será utilizada na Copa deste ano. SERVIÇO Local: Shopping Itaquera Endereço: Avenida José Pinheiro Borges, sem número Data: de 29 de maio a 1º de junho Horário: das 9 horas às 21 horas


Talvez você também goste