Brasil Diversão Notícias

Sesc Vila Mariana apresenta programação de Carnaval em São Paulo

A rua Pelotas, no tradicional bairro paulistano da Vila Mariana, vai se encher de cores e alegria para a festa de Carnaval de 2015. Entre os dias 14 e 17 de fevereiro, a versatilidade toma conta do Sesc Vila Mariana, com atividades que englobam desde as tradicionais celebrações carnavalescas, até a exibição de filme e apresentações teatrais, a programação tem opções para todas as idades e para diversos gostos.

O carro chefe é o especial Da Rua Pra Vila – Bloquinhos e Blocões, que transforma as praças da unidade em um grande espaço de celebração do espírito carnavalesco, com música, palhaçaria e cortejo. Grupos tradicionais como o Bloco do Ó e o Cordão Carnavalesco Ziriguidum animam ao público tanto com canções tradicionais do carnaval como com algumas composições próprias.

Dentro da programação do Sesc Verão, o destaque é o Circuito de Atletismo com Vicente Lenilson, atleta olímpico brasileiro, além de atividades lúdicas como Brincando por todos os lados e de todas as formas e Brincadeiras ginásticas.

No campo das artes visuais, a exposição Compulsão Narrativa, que evidencia a utilização do desenho em diversos suportes para a construção de narrativas, permanece aberta para visitação; em cinema e vídeo, o projeto Cinesábado prossegue, com a exibição do fil me A Origem, de Christopher Nolan; e, por fim, a apresentação teatral Puzzle (d) , dirigida por Felipe Hirsch terá sessões tanto no sábado como no domingo.

Veja programação completa:

DA RUA PRA VILA – BLOQUINHOS E BLOCÕES

CORDÃO ANIMAMBEMBE COM ÚLTIMO TIPO
De 14 a 17, sábado, domingo, segunda e terça, das 11h às 12h
Praça de Eventos – 220 lugares
Livre para todos os públicos
Grátis

Show composto por marchinhas, frevos e outros ritmos dançantes tradicionais das festas populares brasileiras, sendo o improviso um dos seus elementos principais. O espetáculo é direcionado a públicos de todas as idades e compreende também algumas canções clássicas como Mamãe Eu Quero, Cabeleira do Zezé, A Jardineira, Atrás do Trio Elétrico, Festa do Interior, Me dá Um Dinheiro Aí, Balancê, bem como as infantis O Pato, A Casa e Superfantástico, todas em ritmo de carnaval.

O grupo Último Tipo, criado em Goiânia em 1988, tem no seu espírito o teatro mambembe e o clown, fazendo frequentemente espetáculos de rua e apresentações itinerantes à moda dos trovadores medievais.


MONSTROS NO CARNAVAL
De 14 a 17, sábado, domingo, segunda e terça, das 12h30 às 13h30 | 15h30 às 16h30
Foyer – 100 lugares
Grátis
Livre para todos os públicos

Oficina de elaboração de máscaras que não se limita ao enfoque carnavalesco, mas propõe às crianças participantes a criação de monstros a bichos fofinhos e seres de outro planeta, para dançar, pular e se divertir bastante! A atividade será ministrada pelo Coletivo Jiboia.

BLOCO DO Ó
Dia 14, sábado, das 14h às 15h | das 17h às 18h
Praça de Eventos – 220 lugares
Livre para todos os públicos
Grátis

Formado por músicos que tocam numa das casas de samba mais famosas de São Paulo, o Ó do Borogodó, o bloco que nasceu em 2005, leva pra rua parte das manifestações musicais que aconteciam nos carnavais do lugar. O Bloco desfila ao som de marchas tradicionais, sambas enredo, ranchos e sambas clássicos, resgatando as tradições do carnaval e garantindo a alegria dos foliões. São 16 músicos que compõem a formação do Bloco: 4 cantores, 1 cavaco, 2 violões, 4 percussões e 5 sopros.


CORDÃO CARNAVALESCO ZIRIGUIDUM
Dia 15, domingo, das 14h às 15h | das 17h às 18h
Praça de Eventos – 220 lugares
Livre para todos os públicos
Grátis

A apresentação resgata grandes sucessos de marchinhas de carnaval, aos moldes das festas imperiais, retomando os cordões da década de 1940. Na formação da banda, instrumentos de sopros e metais, além da percussão, baliza, porta-estandarte e palhaços.

O cordão, ativo há mais de 15 anos, foi fundado e dirigido por Osvaldinho da Cuíca, um dos ícones do samba paulista, ex-integrante do grupo Demônios da Garoa e um dos membros fundadores da Ala dos Compositores da Escola de Samba Vai-Vai.


CORDÃO CARNAVALESCO KOLOMBOLO DIÁ PIRATININGA
Dia 16, segunda, das 14h às 15h | das 17h às 18h
Praça de Eventos – 220 lugares
Livre para todos os públicos
Grátis

O Cordão Carnavalesco Kolombolo Diá Piratininga reproduz o tradicional carnaval de rua paulistano, trazendo repertório autoral e de outras agremiações da cidade. O cordão começou desfilando pelas ruas do centro de São Paulo, em 2006 e 2007, e, desde 2008, desfila na Vila Madalena, onde está sediado. Em cortejo, o grupo traz à tona a memória de cordões como Camisa Verde e Branco, Vai-Vai, Caveiras de Ouro, Coração de Bronze, Sandália de Prata, entre outros. É composto por 23 integrantes.


BANDO DA RUA
Dia 17, terça, das 14h às 15h |das 17h às 18h
Praça de Eventos – 220 lugares
Livre para todos os públicos
Grátis

Apresentando uma antologia da música popular brasileira, o Bando da Rua revisita marchinhas, sambas carnavalescos e famosas marchas-rancho. Entre os clássicos, Ó Abre Alas, Despedida de Mangueira, Palpite Infeliz, Pierrot Apaixonado, Alô Alô, Barracão, Sassaricando, A Turma do Funil, Se Você Jurar e Chiquita Bacana. O grupo é formado por Carmen Queiroz (voz), Edinho Silva (voz), Roberta Valente (pandeiro e voz), Zé Barbeiro (violão de 7 cordas), Stanley Carvalho (clarinete), Fabrício Rosil (cavaquinho e voz) e Douglas Alonso (percussão) e convidados.


FAZEDORES DE RISO SUSTENIDO
Dias 14 e 16, sábado e segunda, das 15h às 16h30
Praça de Eventos – 220 lugares
Livre para todos os públicos
Grátis

Uma trupe com palhaços-músicos “fazedores de risos” surge lembrando números clássicos da arte da palhaçaria, com esquetes curtas e bem humoradas em constante interatividade com o público. Desta vez a missão será criar a belezura do sorriso, em meio a “misturança” das marchinhas de carnaval, com dança, mímica e palhaçadas. A peculiaridade dos Fazedores é que todos os músicos são palhaços e todos os palhaços são músicos. Com a Cia. Megamini.


CICORTEJO
Dias 15 e 17, domingo e terça, das 15h às 16h30
Praça de Eventos – 220 lugares
Livre para todos os públicos
Grátis

Palhaços e músicos com monociclo, malabares, perna-de-pau e outros aparelhos, realizam um cortejo musical animado pelos espaços, interagindo com as pessoas, brincando e envolvendo-as no universo lúdico e encantador do circo e da música. Por vezes abrem rodas e realizam números circenses com seus aparelhos e revelações totalmente inusitadas que surpreendem a todo instante. Com a Trupe de Peripécias.

SESC VERÃO


ENCONTROS, EXPRESSÕES E MOVIMENTOS
De 14 a 17, sábado, das 10h às 19h, domingo, segunda e terça, das 10h às 18h30
Hall de Exposições (Térreo)
Grátis
Livre para todos os públicos

Instalação interativa voltada ao resgate da memória afetiva com a prática esportiva.


ESPAÇO DE BRINCAR
De 14 a 17, sábado, domingo, segunda e terça, das 10h às 18h30
Sala Corpo & Artes – 156 pessoas
Grátis
Livre para todos os públicos

Espaço destinado a crianças de 0 à 6 anos acompanhadas pelos responsáveis, que busca promover a convivência, a brincadeira coletiva e a ludicidade.


BRINCANDO POR TODOS OS LADOS E DE TODAS AS FORMAS
De 14 a 17, sábado, domingo, segunda e terça, das 14h às 18h
Sala Corpo & Artes – 156 pessoas
Grátis
Livre para todos os públicos

Atividade destinada às crianças, com o objetivo de resgatar parte das brincadeiras populares e de rua da cultura infantil.


BRINCADEIRAS GINÁSTICAS
De14 a 17, sábado, domingo, segunda e terça, das 14h às 18h
Hall dos Exposições (Térreo)
Grátis
Livre para todos os públicos

Atividade que busca integrar pais e filhos por meio de elementos básicos das ginásticas rítmica, artística e acrobática.


CIRCUITO DE ATLETISMO COM VICENTE LENILSON
De 14 a 17, sábado, domingo, segunda e terça, das 14h às 18h
Ginásio Agon – 196 pessoas
Livre para todos os públicos
Grátis

Circuito de atletismo com estações de velocidade, barreiras, salto em altura e salto em distância. Com Vicente Lenilson, atleta olímpico velocista, medalha de prata no revezamento 4×100 rasos nos Jogos Olímpicos de Verão de 2000, em Sydney, e medalha de ouro na mesma modalidade nos Jogos Pan-americanos de 2007.


PALHAÇARIAS ESPORTIVAS – COM A CIA. DESAJUSTE
Dias 14 e 15, sábado e domingo, das 15h às 18h
Espaços da Unidade
Grátis
Livre para todos os públicos

Palhaços provocam o público sobre ações dos movimentos corporais do cotidiano, sendo o esporte o tema central das ações. Com a Cia. Desajuste.


ESPORTES NA PRAÇA
De 14 a 17, sábado, das 15h às 19h, domingo, segunda e terça, das 15h às 18h30
Praça Externa
Grátis
Livre para todos os públicos

Diversas modalidades esportivas serão vivenciadas. Cooperação, coordenação, integração, diversão serão os objetivos desta proposta.


STAND UP PADDLE (SUP)
De 14 a 17, sábado, domingo, segunda e terça, das 15h às 18h
Piscina
Grátis
Livre para todos os públicos
Necessário ter credencial do Sesc e exame dermatológico atualizados

Modalidade esportiva que traduzida significa remo em pé, tem o objetivo de manter-se em pé em uma prancha e utilizar um remo para deslocar-se na água. Serão vivenciados os principais movimentos e deslocamentos.

OUTROS

Exposição

COMPULSÃO NARRATIVA

Até 22/2, terça a sexta, das 10 às 21h30, sábados, das 10h às 20h30, domingos e feriados, das 10h às 18h30
Atrium
Grátis
Livre para todos os públicos

A mostra reúne doze artistas, cujos trabalhos possuem a construção de narrativas como ponto de contato, a fim de criar um espaço de discussão e reflexão em torno do desenho em diferentes suportes. Com André Valente, Carlos Contente, Diego Gerlach, Eduardo Belga, Elisa Carareto, Federico Lamas, Júnior Suci, Lucas Gehre, Nazareno, Pedro Franz, Silvan Kälin e Tiago Judas.

Cinema e vídeo

CINESÁBADO: A ORIGEM
Dia 14, sábado, às 14h
Auditório – 128 lugares
Grátis
Não recomendado para menores de 14 anos
Retirada de ingresso com 1h antecedência na Central de Atendimento

Exibição do filme A Origem (Dir: Christopher Nolan, Estado Unidos/Reino Unido, 2010, 148min).
Cobb (Leonardo DiCaprio) é um ladrão habilidoso que extrai segredos valiosos do inconsciente durante o sono. Para recuperar sua vida, Cobb aceita um último e complexo trabalho: plantar um pensamento no inconsciente do herdeiro de um império econômico.


Teatro


PUZZLE (D) – COM A CIA. ULTRALÍRICOS
De 13/2 a 8/3, sextas e sábados, às 21h, domingos, às 18h
Teatro – 611 lugares
R$ 40,00 – inteira; R$ 20,00 – aposentado, pessoa com mais de 60 anos, pessoa com deficiência, estudante e servidor da escola pública com comprovante; R$ 12,00 – trabalhador do comércio de bens, serviços e turismo matriculados no Sesc e dependentes (Credencial Plena)
Não recomendado para menores de 12 anos

O espetáculo Puzzle foi criado especialmente para o Programa Brasil, como convidado de honra da Feira do Livro de Frankfurt 2013 e para o Mirada Festival Ibero-Americano 2014, tendo sido desenvolvido a partir de 15 textos assinados por escritores brasileiros contemporâneos. O título vem do conto de Amilcar Bettega Barbosa e define a estrutura da montagem, originalmente divida em três partes (a, b e c), acrescida agora de uma parte d.

Puzzle tem alguns convidados especiais, artistas que pensam uma arte brasileira genuína dentro de um contexto mundial, em oposição a uma estética ufanista vazia, apresentada na segunda parte do espetáculo, com base no texto de André Sant’Anna. Será um total de doze artistas convidados para participarem de cenas criadas para aquela sessão específica, levando o ineditismo a cada apresentação. O espetáculo envolve diversas linguagens artísticas, dentre música, literatura, cinema e artes plásticas, além do próprio te atro.

Direção geral: Felipe Hirsch Textos: André Sant’Anna, Haroldo de Campos, Paulo Leminski e Roberto Bolaño
Elenco: Georgette Fadel, Luiz Paetow, Magali Biff, Guilherme Weber, Luna Martinelli e o ator argentino Javier Drolas


Talvez você também goste