21°C 15°C

São Paulo, SP

21°C 12°C

Curitiba, PR

26°C 18°C

Belo Horizonte, MG

26°C 16°C

Rio de Janeiro, RJ

28°C 14°C

Porto Alegre, RS

28°C 23°C

Salvador, BA

Quinta-feira, 05 de Julho de 2012 - 17h25

Pode-se usar uma régua de tomadas no lugar do estabilizador?

A resposta curta para essa pergunta seria sim, o PC ligaria normalmente e permaneceria funcionando caso a rede elétrica estivesse em ordem, funcionando de acordo com o esperado.

Já a resposta longa seria algo como sim… com algumas ressalvas. Como todo mundo sabe, a qualidade da rede elétrica está sujeita a todo tipo de variação e/ou incidente como surtos, picos e sobrecargas de energia. Isso significa que ligar um PC direto na rede elétrica é o mesmo que dirigir por ai sem usar cinto de segurança.

O problema é que as chamadas réguas de tomadas não passam de longos benjamins, que não oferecem proteção alguma contra oscilações da rede elétrica.

Uma solução bem melhor — e decididamente mais recomendada — são os chamados filtros de linha que já oferecem algum tipo de proteção passiva contra as interpéries da rede elétrica. No geral, eles vem equipados com um fusível (ou disjuntor), filtro de ruído e outro para surtos. Um bom exemplo é o SFL-N-120 da MTM Eletro Eletrônica de desenho simples e construção bem robusta:

Assim, se o usuário optar por não ter um estabilizador de rede ligado no seu PC, nossa sugestão é que o usuário tenha, pelo menos um filtro de linha (e não só uma régua de tomadas).

Em uma escala de valor e de nível de proteção o indicado é colocar o filtro de linha na base (por oferecer os recursos mínimos de segurança), passando pelo estabilizador de rede, que regula a rede mas não protege o PC contra falta de energia, chegando finalmente ao no-break no topo dessa cadeia, porque ele é o mais indicado para proteger seu computador contra praticamente todos os problemas vindos da rede elétrica.

publicidade:

publicidade:

publicidade: