Carreira & Educação

Positivo Tecnologia diversifica receitas e registra 48% de crescimento em Receita Bruta no primeiro trimestre

Empresa brasileira de tecnologia apresenta Receita Bruta de R$ 1,2 bilhão, com EBITDA LTM recorde de R$ 409 milhões

A Positivo Tecnologia diversifica receitas e expande o EBITDA, assim como retorno de capital investido (ROIC) no primeiro trimestre de 2022. A Receita Bruta alcançou R$ 1,2 bilhão no trimestre, 48% superior em comparação ao mesmo período de 2021. Outro destaque foi o EBITDA LTM, de R$ 409 milhões, recorde histórico para a Companhia. Já o EBTIDA recorrente chegou a R$ 126 milhões no 1º trimestre de 2022, avanço de 150% em relação ao 1º trimestre do ano de 2021.  A Companhia encerrou o primeiro trimestre do ano com Lucro Líquido Ajustado de R$ 28,4 milhões, 6,9% superior ao mesmo período do ano anterior.

A diversificação das receitas, assim como o portfólio, é o vetor de crescimento da Positivo Tecnologia. Ampliação significativa da oferta de soluções reafirma o equilíbrio da rentabilidade no trimestre. O forte desempenho é resultado do avanço das novas vertentes de negócios e da ampliação de receitas nas Unidades Negócios Corporativos e Instituições Públicas.

“A estratégia de diversificação da Positivo Tecnologia demonstra ser cada vez mais acertada e o reflexo desse direcionamento está nos sólidos resultados entregues a cada trimestre”, afirma o presidente da Positivo Tecnologia, Hélio Bruck Rotenberg. Apesar de Consumo – Varejo ter apresentado menor volume de vendas no período, a Companhia apresentou resultados crescentes por meio dos diferentes segmentos de atuação, os quais se complementam e se compensam, com destaque para os ganhos de margem nas Unidades de Negócios Corporativos e Instituições Públicas.

O crescimento sucessivo dos indicadores da Positivo Tecnologia é resultado do ótimo desempenho operacional que Companhia tem apresentado nos últimos períodos, devido à sustentação por meio de um modelo de negócio eficiente e com produtos e serviços de qualidade. “Continuamos acelerando o processo de transformação por meio de novas iniciativas e investimentos nas Avenidas de Crescimento”, comenta Rotenberg.

Sendo assim, a Positivo Tecnologia segue reafirmando a estimativa prévia de crescimento da Receita Bruta para o ano de 2022, que deverá se situar entre R$ 5 bilhões e R$ 6 bilhões, com grande destaque para o desempenho das frentes Corporativo e Instituições Públicas, por meio do fornecimento de máquinas de pagamento (POS) para nos adquirentes e sub adquirentes, crescimento da demanda por HaaS e serviços como assistência técnica de informática a empresas, além do forte pipeline em licitações públicas.

Resultados e iniciativas das Unidades de Negócios da Positivo Tecnologia

Além do aumento de demanda por tecnologia hardware e serviços, em todos os setores de atuação da empresa, a maior representatividade de suas ‘Avenidas de Crescimento’ permitiu alcançar R$ 1,2 bilhão de Receita Bruta, crescimento de 48% em relação ao mesmo período de 2021. Todo esse resultado é impulsionado pelo crescimento constante em serviços para o setor Corporativo, com destaque para o lançamento de suporte avançado a computadores de todas as marcas por meio da Positivo Tech Services.

Em Instituições Públicas, o 1T22 apresentou resultado exponencial, crescendo 278% em Receita Bruta comparado com o mesmo trimestre do ano anterior, como já previsto anteriormente e muito impulsionado pela busca das Instituições de Governo em todo o País pela atualização dos seus parques tecnológicos, com destaque para a educação, que está com uma disponibilidade de recursos para investimentos bastante vultuosa e que deverão ser investidos até 2023.

“Seguimos confiantes com o ano de 2022 e com os próximos anos, e esse otimismo se deve, principalmente, pela expansão de receita no segmento Corporativo, combinado à forte movimentação da área de Instituições Públicas e ao sucesso dos setores onde atuamos, além do avanço e da mudança no hábito das pessoas e empresas em relação ao uso da tecnologia”, finaliza Hélio.