Comportamento

Joaquin Phoenix volta como Coringa de forma inesperada, diz site

Coringa é um dos maiores sucessos da DC. O filme trouxe uma história diferente para um dos vilões mais importantes dos quadrinhos.

Além disso, marcou a carreira de um grande astro, Joaquin Phoenix. O artista ganhou o Oscar de Melhor Ator por ter dado vida ao insano Arthur Fleck.

Por ter sido um sucesso, desde o lançamento fãs esperam um pronunciamento sobre a sequência. Joaquin Phoenix e o diretor Todd Phillips avisaram que só fariam se realmente tivessem uma boa história para contar.

Agora, Daniel Richtman, através do Patreon, afirma que Joaquin Phoenix assinou para fazer uma sequência e “múltiplos filmes da DC” como Coringa. Vale dizer que até o momento isso deve ser levado como um rumor.

Alguns sites já chegaram a afirmar que Joaquin Phoenix teria aceitado um grande pagamento para fazer Coringa 2. Porém, até o momento, nada foi confirmado.

A DC e Joaquin Phoenix não se pronunciam sobre esse mais novo rumor de Coringa.

Joaquin Phoenix volta como Coringa de forma inesperada, diz site - 1

Coringa é ou não real?

Uma das grandes dúvidas sobre o Coringa de Joaquin Phoenix é se os eventos do filme realmente aconteceram. Uma prova para responder o mistério pode ter sido encontrada.

A versão de Coringa da história de origem do Batman confirma que os eventos do filme não são reais, mas sim ocorreram na mente de Arthur Fleck.

As memórias de Arthur dos pais de Wayne sendo assassinados no final do filme ajudam a confirmar que os eventos de Coringa provavelmente não são reais, nesse universo.

Durante o clímax do filme, tumultos estouram por toda Gotham depois que Arthur assassina Murray Franklin ao vivo na TV. Enquanto Arthur é preso e colocado em um carro da polícia (que mais tarde bate, permitindo que Arthur seja libertado), um manifestante atira em Thomas e Martha Wayne em um beco, mas poupa o filho do casal – Bruce Wayne.

Na cena final de Coringa, que ocorre no Hospital Estadual de Arkham, Arthur se lembra dos Waynes sendo assassinados – algo que ele não poderia ter testemunhado de sua posição dentro e em cima do carro da polícia. Por esse motivo, os eventos do filme quase certamente acontecem dentro da cabeça de Arthur.

Se isso fosse verdade, poderia ser uma das cenas mais reveladoras de todo Coringa, pois sugere que a razão pela qual ele pensa que os distúrbios (reais ou falsos) foram justificados é porque alguém matou o homem que ele transformou em seu pessoal “vilão” – Thomas Wayne.

As fantasias de Arthur parecem estar à beira da realização de um desejo – como se mostra melhor com seu relacionamento imaginário com Sophie – e isso pode ser visto como o ponto sem volta para ele, à medida que Fleck vai de querer um relacionamento familiar com Thomas Wayne, para imaginar e aparentemente ficar encantado com seu assassinato brutal.

Claro, como esta é uma narrativa retrospectiva, também pode ser interpretado que Arthur está simplesmente relembrando todos os eventos “importantes” que ocorreram nesta noite fatídica – mas a maneira como ele o faz ainda questiona o quão precisa sua interpretação de eventos pode ser.

Coringa está disponível na HBO Go.

Fonte: Observatório do Cinema