Campeonato Brasileiro

Casemiro detona peruanos por pressão e xingamentos à arbitragem: ‘Tem que ter respeito’

Na noite da última terça-feira (13), a Seleção Brasileira foi à Lima e conquistou uma importante vitória por 4 a 2 contra o Peru, em confronto válido pela segunda rodada das Eliminatórias Sul-Americanas. A Canarinho chegou a estar duas vezes atrás do marcador, mas mostrou bom poder de reação e virou o marcador, graças a três gols de Neymar e um de Richarlison.

De enredo agitado e muitas bolas na rede, a partida também teve suas turbulências em nível de arbitragem: duas penalidades a favor da Seleção Brasileira, um expulso no Peru com auxílio do VAR e gols ajustados que demoraram uma ‘eternidade’ para serem validados pela tecnologia. As decisões do árbitro Julio Bascuñán geraram revolta nos donos da casa, que o cercaram e xingaram ao final da partida, comportamento detonado por Casemiro em entrevista pós-jogo.

Casemiro detona peruanos por pressão e xingamentos à arbitragem: 'Tem que ter respeito' - 1
Peru v Brazil – South American Qualifiers for Qatar 2022 | Pool/Getty Images

“É uma falta de respeito, nós falamos da América do Sul, que temos que ser exemplo, tem que ter respeito, sabe? Às vezes o árbitro pode se equivocar, mas ele sempre quer fazer o seu melhor, temos que ter um pouco de respeito, temos que falar disso. O VAR está para ajudar, o árbitro está para fazer o melhor, e tem que ter respeito”, afirmou.

Como destaca o Globoesporte, o capitão da Seleção Brasileira ainda reforçou a diferença de mentalidade e comportamento no trato com a arbitragem na América do Sul e na Europa: “Na América do Sul é sempre assim. Nós, que jogamos na Europa… Na Europa é muito difícil acontecer isso, pode acontecer, porque ser humano é assim, mas nós da América do Sul temos que ter mais respeito com os árbitros”, concluiu.

Casemiro detona peruanos por pressão e xingamentos à arbitragem: 'Tem que ter respeito' - 2
Peru v Brazil – South American Qualifiers for Qatar 2022 | Daniel Apuy/Getty Images

A Seleção Brasileira volta a campo no dia 12 de novembro, contra a Venezuela, pela terceira rodada das Eliminatórias.

Fonte: 90min