Campeonato Brasileiro

Em campanha! Polêmica ação junto a Bolsonaro é pontapé inicial de Marcelinho para sua próxima empreitada política

Em campanha! Polêmica ação junto a Bolsonaro é pontapé inicial de Marcelinho para sua próxima empreitada política - 1

A ação protagonizada por Marcelinho Carioca junto ao presidente Jair Bolsonaro gerou polêmica. Mas, pelo jeito, ela não aconteceu por acaso. Como destaca o Uol Esporte, ela foi praticamente um pontapé inicial para a nova aventura do “pé de anjo”. O ex-atleta, que atualmente trabalha como comentarista em uma emissora de rádio (Arena Tropical), deixará a função nesta sexta para ser candidato a vereador pelo PSL nas próximas eleições.

 

Esta será a sexta tentativa de Marcelinho em se eleger, e o convite da deputada Joice Hasselmann, feito em fevereiro, só foi aceito depois do oferecimento de apoio financeiro para a campanha por parte da parlamentar. Segundo fonte que tem conhecimento sobre o teor desta conversa, o partido teria garantido verba de “cabeça de chapa”, ou seja, coloca o ex-camisa 7 como um expoente para ocupar uma cadeira no Legislativo da capital paulista.

 

No encontro com o palmeirense Bolsonaro, o ex-jogador deu a ele uma camisa do Corinthians. O presidente a vestiu, e isto levou a reações imediatas, de repúdio, por parte de opositores do atual número 1 da República, como Walter Casagrande, um dos líderes da Democracia Corintiana. O clube, por sua vez, informou que não teve qualquer relação com o fato, bem como o Banco BMG, que é patrocinador máster da instituição e, também, tinha contrato (agora rompido) com o próprio Marcelinho, que busca um cargo público, sem sucesso, desde 2010. De lá para cá, participou de todos os pleitos no Brasil.

 

Quer saber como se prevenir do coronavírus? #FiqueEmCasa e clique aqui.

 

Para mais notícias do Corinthians, clique aqui.

 

Fonte: 90min