Campeonato Brasileiro

Thiago Neves não se cala diante de caso de racismo no Mineirão e rebate torcedor do Galo

Thiago Neves não se cala diante de caso de racismo no Mineirão e rebate torcedor do Galo - 1

​Que Thiago Neves não anda de bem com a torcida do ​Cruzeiro, isso ninguém discorda. Que o camisa 10 não anda em sua melhor forma técnica em campo, isso todo mundo observa. Só que outra coisa é inegável envolvendo o meia da Raposa: quando é necessário se manifestar, TN10 não se esconde de ninguém. Após o empate por 0 a 0 no clássico mineiro, no último domingo (10), houve pancadaria nas arquibancadas do Mineirão e um caso de racismo vindo de um torcedor do Galo, flagrado pela imprensa no estádio.

 

Durante uma discussão na boca do vestiário, um torcedor atleticano se dirigiu ao segurança do estádio, Fábio Coutinho, com menosprezo. “Olha a sua cor”, profetizou. A cena foi captada pelas câmeras do jornalista Lucas Von Dollinger. Em seguida, o mesmo sujeito dá uma cuspida no funcionário do Mineirão. ​jornalista Fael Lima compartilhou o momento em sua conta no Instagram. 

 

 

Em sua conta no Instagram, Thiago Neves se pronunciou sobre as injúrias raciais e pediu que o torcedor do Atlético seja banido de estádios de futebol pelo episódio. O meia do Cruzeiro ainda lembrou que vários destaques do Galo Mineiro são negros, como Cazares e Léo Silva. “Esse mer** tem que ser banido dos jogos do seu time, isso não existe. O melhor jogador deles (Cazares) é da cor, o zagueiro que tem uma história brilhante pelo clube (Léo Silva) é da cor, ele não deve nem entrar nos estádios por causa disso, não respeita ninguém esse bos**! Vou torcer para você se ferrar e que você nunca mais possa ver seu time no estádio!”, escreveu. 

 

 

Segundo a PM de Belo Horizonte, 53 pessoas foram presas pela confusão de antes e depois do clássico, a maioria ligada às torcidas organizadas de ambos os clubes. Na tabela de classificação, os mineiros continuam decepcionando. Tanto Galo quanto Cruzeiro aparecem bem longe do topo da tabela e, para piorar, brigando contra o rebaixamento. A situação é mais crítica para o time de Thiago Neves, que, com o 14° empate no Brasileirão, chegou aos 35 pontos. Em caso de vitória do Botafogo nesta segunda-feira (11) diante do Avaí no Nílton Santos, a Raposa cairia para a 16ª posição, ficando a apenas um ponto do Z-4. 

Fonte: 90min


Talvez você também goste