Champions League

Após causar revolta na torcida do Real, Aréola se explica e pede desculpa aos merengues

Após causar revolta na torcida do Real, Aréola se explica e pede desculpa aos merengues - 1

A torcida do Real Madrid ficou furiosa após o time ser derrotado de forma impiedosa para o PSG por 3 a 0 na primeira rodada da fase de grupos da Champions League. Depois de 10 anos, o ​Real conseguiu a proeza dar um chute em direção ao gol e a imprensa espanhola está criticando de forma contundente o trabalho do técnico Zidane. O comandante francês já está balançando no cargo e não tem seu emprego garantido pela diretoria do clube espanhol.

 

FBL-EUR-C1-REAL-TRAINING

 

Quem causou um alvoroço e deixou os merengues ainda mais irritados foi o recém-contratado, o goleiro Alphonse Aréola. Uma foto do arqueiro com seus antigos companheiros do PSG, Kylian Mbappé e Choupo-Moting, após a partida na França, circulou nas redes sociais e a situação não foi bem aceita pela torcida do Real, que invadiu as redes sociais do atleta e fez duras críticas ao goleiro.

Querendo amenizar toda a polêmica, Aréola usou seu Instagram oficial para se explicar e pediu desculpa a instituição do Madrid, revelando que agora seu coração é dos “Los Blancos”.

Caros torcedores do Real Madrid, me sinto muito triste por alguns comentários em uma foto que circula nas redes sociais. Quero que todos os torcedores do Real Madrid saibam que meu coração é dos Blancos desde que assinei por este clube e não há a menor dúvida quanto à minha motivação, lealdade e envolvimento com o Real Madrid, nosso Madri. A derrota de ontem me afetou, bem como a todos que formam essa grande família. Após o jogo, reencontrei meus antigos colegas de equipe e amigos, que não me deram tempo para me despedir. Por isso, reitero minhas desculpas aos jogadores do Real Madrid que foram ofendidos, não era meu desejo e espero que juntos possamos alcançar muitos sucessos. Hala Madrid!”, disse o goleiro.

 

Tentando esquecer o tropeço na Champions, o Real Madrid se prepara para enfrentar o Sevilla no Campeonato Espanhol no próximo domingo (22), fora de casa. Com oito pontos, os merengues irão pegar o líder, que está com 10 pontos e embalado no torneio. Uma derrota nessa partida pode piorar ainda mais a situação de Zidane e sua saída ser ainda mais cogitada.  

Fonte: 90min