Futebol

Luisão exalta Jorge Jesus e crava: ‘O Brasil não está preparado para ele’

Luisão exalta Jorge Jesus e crava: 'O Brasil não está preparado para ele' - 1

Visto como o maior ídolo brasileiro da história do Benfica, Luisão pendurou as chuteiras em setembro de 2018, após 15 temporadas vestindo a camisa encarnada. Hoje, aos 38 anos, o ex-zagueiro observa com curiosidade o início de trajetória de Jorge Jesus no ​Flamengo, já que os dois trabalharam juntos por um período consideravelmente em terras lusitanas.

De torcedor para torcedor: clique aqui e siga o 90min no Instagram!

Em longa entrevista concedida ao site ‘Goal’ – repercutida pela ​ESPN -, Luisão não mediu elogios ao comandante e foi categórico ao comentar sobre o ‘jeito brasileiro’ de lidar com novas referências ou ideias. Para o ex-zagueiro, o Brasil parou no tempo em mentalidade.

“O Brasil não está preparado nem para o sucesso do Jorge Jesus e nem para o sucesso de ninguém, seja de dentro ou de fora. Por que eu falo isso? Nós, brasileiros, procuramos sempre encontrar os defeitos dos nossos próprios ídolos, queremos sempre jogar eles para baixo. Dou o exemplo do Ronaldo Fenômeno. Lembro que no Brasil só falavam do Ronaldo gordo, não do Ronaldo que fez tudo o que fez na carreira (…) O brasileiro parou no tempo naquilo que é o desenvolvimento, disse.

FBL-POR-CUP-BENFICA-RIOAVE

Perguntado sobre o jeitão ‘peculiar’ do comandante lusitano, o ex-zagueiro confidenciou uma história curiosa dos tempos em que trabalharam juntos no clube lisboeta: Assim que Jorge Jesus chegou aqui, me chamou e disse: ‘Luisão, se eu estivesse em outro time, não te contratava (…) Agora você vai jogar assim, assim e assim, agora você vai entender o jogo’. Depois dessa conversa, fui para casa e, ao refletir, resolvi acreditar na palavra dele. E a realidade foi exatamente essa, ele me fez entender cada vez mais o jogo”, concluiu.

Fonte: 90min


Talvez você também goste