Futebol

Messi x CR7: uma comparação das estatísticas após 700 jogos em clubes

Messi x CR7: uma comparação das estatísticas após 700 jogos em clubes - 1

​Foi uma noite mágica, digna de ​Lionel Messi. Na última quarta-feira, quando o Barcelona aplicou 3 a 1 no Borussia Dortmund pela Liga dos Campeões da Europa, o argentino foi mais uma vez o centro das atenções. E, em alto estilo, ele completou 700 jogos com a camisa do clube espanhol.

Para alguns analistas, Messi é o maior jogador de todos os tempos. Outros discutem, até mesmo, se ele é maior que Cristiano Ronaldo, com quem disputa espaço na atualidade. Só que as estatísticas, na comparação com os primeiras 700 aparições do português em clubes (ele chegou a esta marca em 22 de fevereiro de 2017), não mentem. La Pulga tem, realmente, poderes superiores. Quer ver?


Gols

Lionel Messi,Segio Asenjo

Há quem coloque Cristiano Ronaldo como um finalizador melhor que Messi. Só que, na quantidade de gols, o argentino se colocou bem à frente: 613 contra 504.


Assistências

Luis Suarez,Lionel Messi

A habilidade de Messi fica nítida pela facilidade com quem deixa seus companheiros na cara do gol. Em 700 jogos, ele soma 237 assistências, enquanto CR7, na mesma altura da carreira, tinha 185.


Melhor do mundo

FBL-FIFA-AWARDS

 

Messi, recentemente, foi eleito o melhor jogador do mundo pela sexta vez, deixando Cristiano Ronaldo com cinco troféus. Mas é bom lembrar: o último troféu do português veio depois dele completar 700 partidas.


Hat-tricks

FBL-BALLON-DOR-RONALDO-MESSI-COMBO

 

Um jogador marcar três gols em uma mesma partida não é nada fácil. Pois Messi já fez fez isso 46 vezes. CR7, quando chegou a 700 aparições em clubes, tinha 41.


Troféus

FBL-ESP-LIGA-BARCELONA-LEVANTE

Em 700 jogos pelo profissional do Barcelona, Lionel Messi conquistou nada menos que 34 taças, sendo dez da Liga nacional e quatro da Liga dos Campeões da Europa. Já Cristiano Ronaldo, na mesma altura da carreira, tinha 21 conquistas, sendo quatro de La Liga e três da Champions.

Fonte: 90min


Talvez você também goste