Futebol

São Paulo aciona River na Fifa por dívida da compra de Lucas Pratto

São Paulo aciona River na Fifa por dívida da compra de Lucas Pratto - 1

​Pela segunda vez no ano, o ​São Paulo entrou com uma representação na Fifa contra o River Plate por mais uma ​parcela atrasada referente a compra do atacante argentino Lucas Pratto, feita em janeiro do ano passado. A primeira vez que o Tricolor acionou a Fifa foi em setembro deste ano, cobrando 2 milhões de euros que estavam atrasados da parcela do mês de Julho.

​​Desta vez, o Tricolor acionou a entidade máxima do futebol para cobrar a parcela do mês de setembro, que também não foi efetuada no valor de 2 milhões de euros. Computando tudo, o clube argentino deve 4 milhões de euros aos brasileiros (cerca de 18 milhões de reais). 

Caso a Fifa entenda que o ​São Paulo está sendo lesado por tais atrasos, o River pode ser multado em até 20% dos valores acordados entre as equipes e no maior dos casos, a perda de pontos, como ocorreu por exemplo com o ​Cruzeiro, que devia 1,5 milhão de euros ao Zorya Luhansk, da Ucrânia, pela contratação do atacante Willian Bigode, em 2013.

 

FBL-RECOPA-RIVER-PARANAENSE

 

A negociação entre São Paulo e River foi oficializada em janeiro de 2018quando os clubes chegaram a um acordo pela transferência do centroavante no valor de 11,5 milhões de euros (R$ 44,4 milhões), mais 3,5 milhões de euros (R$ 13,5 milhões) condicionados a metas (títulos).

 

 

Pelo River, Pratto já disputou 72 jogos, marcou 14 gols e venceu uma Copa Conmebol Libertadores, inclusive sendo decisivo na grande final contra o Boca Juniors, rival local da equipe comandada por Gallardo. 

Fonte: 90min