Futebol

Tempo e trabalho silencioso: as lições de 2011 que devem guiar o Corinthians 2020

Tempo e trabalho silencioso: as lições de 2011 que devem guiar o Corinthians 2020 - 1

Menos de 12 horas se passaram desde o apito derradeiro do argentino Néstor Pitana na Arena Corinthians, selando a trágica e inesperada eliminação precoce do clube paulista ainda na segunda fase prévia da ​Copa Libertadores. Trata-se de uma ‘ferida’ aberta, fresca e de difícil cicatrização, afinal, a competição continental é o principal objetivo de todo grande clube. Ainda assim, é preciso esfriar a cabeça o quanto antes e tirar lições do episódio, assim como fez o próprio Alvinegro em 2011, quando vivenciou um enredo idêntico.

Naquele ano, o badalado Corinthians de Tite contava com um elenco forte e competitivo, mas chocou a todos ao cair na pré-Libertadores para o modesto Tolima (COL). Quando muitos cravavam ‘fim de temporada’ para o clube paulista, o efeito da desclassificação prematura foi o inverso: motivou aquele grupo a trabalhar mais e se superar na sequência do ano. O resultado, todos sabem: título brasileiro e classificação direta à Libertadores 2012, que posteriormente viria a ser conquistada pelo próprio Alvinegro.

 

Tite,Andrés Sánchez

 

Parece impossível falar em esperança de dias melhores após uma eliminação dolorosa, mas o torcedor alvinegro tem motivos para acreditar neles. Tiago Nunes tem apenas um mês e meio de trabalho no Parque São Jorge, enquanto Tite, em 2011, já estava bem melhor ambientado ao seu grupo de jogadores por ter sido contratado nos meses finais de 2010. Sob os ombros do treinador ex-Furacão, está a responsabilidade e a expectativa de um projeto esportivo diferente do que vimos no clube nos anos anteriores, já que sua contratação foi motivada pelo desejo quase unânime de torcedores e gestores por um Corinthians mais moderno e ofensivo. É hora de acreditar, dar tempo/respaldo e trabalhar silenciosamente para fortalecer esta filosofia renovada. Qualidade há, na área técnica e no elenco, para um 2020 bem sucedido.

 

FBL-LIBERTADORES-CORINTHIANS-GUARANI

 

Fonte: 90min