Esportes

Presidente do Cruzeiro atualiza situação de Dedé e de sonho da lateral: “Eu vou batalhar”

Presidente do Cruzeiro atualiza situação de Dedé e de sonho da lateral: “Eu vou batalhar” - 1

O Cruzeiro, apesar da forte crise financeira e da pandemia do novo coronavírus, segue no mercado em busca de reforços para o plantel de Enderson Moreira. Porém, antes de tentar encontrar novas peças, o clube celeste tem buscado entrar em acordo com dois velhos conhecidos da Raposa: o zagueiro Dedé e o lateral-esquerdo Dodô.

Em entrevista concedida ao GloboEsporte.com, o presidente celeste Sérgio Santos Rodrigues falou sobre a situação do defensor, que tem contrato até o ano que vem, mas ainda não treinou com o grupo. “Estamos buscando a melhor solução, entendendo o prazo para retorno, como ele está, qual o desejo do atleta… tudo conta nessa hora.

 

Presidente do Cruzeiro atualiza situação de Dedé e de sonho da lateral: “Eu vou batalhar” - 2

Dedé ainda pode ficar no Cruzeiro.

Ele ficar ou sair, o caminho que a gente buscar vai ser de consenso, porque a relação é muito boa.
acrescentou o mandatário.

Vale destacar que o contrato de Dedé vai até o final de 2021, mas que ele foi afastado, devido grave lesão no joelho, ainda em outubro do ano passado.

Recentemente, Sérgio Santos Rodrigues conversou pela primeira vez com os empresários do zagueiro de 32 anos. O mandatário, no entanto, disse que a reunião foi apenas para saber sobre como está o jogador e o que ele quer para o futuro.

“Foi a primeira conversa (com empresários). A gente já tinha uma relação boa, porque eu passei pelo futebol, o Deivid foi técnico dele, o próprio Daniel (Baumfeld), que é nosso médico hoje, foi quem esteve com o Dedé quando ele operou nos Estados Unidos (em 2016). O Magrão (empresário do Dedé) viajou com o Dedé e com o Daniel. Então, a gente tem uma relação muito boa. Foi mais uma reaproximação inicial minha, porque eu tinha menos contato com eles”, explicou.

 

Presidente do Cruzeiro atualiza situação de Dedé e de sonho da lateral: “Eu vou batalhar” - 3

Sérgio Santos Rodrigues, presidente do Cruzeiro, fala sobre situação de Dedé e Dodô.

Foi mais nesse sentido de poder começar a conversar sobre o futuro dele, saber como está, ouvir deles, porque se o jogador não quiser ficar, não adianta brigar contra isso. Vamos esperar para ver.
finalizou Sérgio Santos Rodrigues.

Além de falar sobre Dedé, o cartola também comentou sobre o lateral-esquerdo Dodô, que acionou a Justiça contra o Cruzeiro, solicitando que o seu contrato fosse cumprido. Ele chegou à Toca da Raposa por empréstimo ano passado, com cláusula de compra automática caso ele disputasse 3 jogos no Brasileirão e a Raposa chegasse aos 15 pontos no torneio. As metas foram atingidas, mas o novo vínculo não validado.

Em novas conversas, após chegada de Enderson Moreira e Ricardo Drubscky (diretor de futebol), a Raposa tentou um acordo para reintegrar o lateral, mas ele não aceitou – cabe considerar que ele precisaria aceitar reduzir o salário previsto no seu antigo contrato, que era de R$ 300 mil, para retornar ao grupo celeste. As negociações correm há dois meses. Sérgio Santos Rodrigues falou sobre o assunto:

“Sem novidade, ainda. Descartado nunca está 100%, porque eu sempre falo, ainda mais sendo do jurídico, que qualquer ação que estiver em curso eu vou batalhar pelo acordo. Então, a gente conversa, mas não tem muita novidade em relação ao que estava antes”, concluiu o mandatário.

Quer saber como se prevenir do coronavírus? #FiqueEmCasa e clique ​aqui.

 

Fonte: 90min