Notícias

Enel SP se Prepara para Possível Evento Climático Este Fim de Semana: Saiba Tudo Aqui!




Imagem de wirestock no Freepik

 

A Enel SP está se preparando para lidar com um novo evento climático adverso que está previsto para o próximo final de semana. Segundo previsões meteorológicas, a região enfrentará um temporal com ventos que podem chegar a até 100 km/h. A empresa já está tomando medidas para garantir que esteja pronta para atender as ocorrências e minimizar os impactos causados pelo fenômeno.

Após os recentes problemas ocorridos há duas semanas, quando 2,1 milhões de usuários ficaram sem energia na capital paulista e na Grande São Paulo, a Enel SP está se mobilizando para evitar que uma situação semelhante se repita. A empresa manterá como número de referência as 1,2 mil equipes, compostas por aproximadamente três mil pessoas, que estiveram de prontidão durante o último evento climático.

Durante uma audiência na Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) promovida pela Assembleia Legislativa de São Paulo (Alesp), o diretor-presidente da Enel no Brasil, Nicola Cotugno, informou sobre os preparativos da empresa e reforçou o compromisso em melhorar a qualidade dos serviços de distribuição de energia elétrica.

Cotugno também destacou a importância da comunicação em tempo real com o poder público e mencionou que a empresa organizou-se para ter uma conexão direta com as prefeituras. Ele ressaltou que a Enel SP está constantemente se preparando e coordenando suas equipes para enfrentar eventos climáticos adversos.

Além disso, o executivo enfatizou que a Enel SP é uma investidora de longo prazo e tem interesse em renovar a concessão do serviço. Ele destacou a confiança da empresa no Brasil, ressaltando que já fez investimentos significativos e pretende continuar investindo no país.

A CPI já estava avaliando a qualidade dos serviços prestados pela Enel SP, mas ganhou mais força após o temporal recente deixar mais de quatro milhões de pessoas sem energia no Estado de São Paulo, sendo metade na área de concessão da empresa. Durante o evento climático, a empresa enfrentou dificuldades para atender todas as ocorrências, e o serviço só foi totalmente normalizado uma semana após o ocorrido.

Os diretores Nicola Cotugno e Márcia Massotti prestarão depoimento à CPI na qualidade de investigados. Eles têm o direito de não responder perguntas que considerem comprometedoras.

Em relação às chuvas da noite de quarta-feira, 15, que deixaram pelo menos 86 mil unidades consumidoras sem luz em São Paulo, Cotugno informou que as equipes da Enel SP estão nas ruas nesta quinta-feira para religar a rede nos locais afetados ainda durante a tarde. Ele afirmou que com a chegada das equipes, o serviço será normalizado ao longo do dia.

A Enel SP está se empenhando para garantir um fornecimento de energia mais estável e seguro para os seus usuários, buscando evitar transtornos causados por eventos climáticos adversos e agindo de forma ágil para solucionar eventuais problemas.

Continua após a publicidade..