Sem categoria

Suplementação antes do treino: Como utilizar?

Muitas pessoas buscam orientação sobre qual o tipo de suplemento consumir antes do treino ou da atividade física. Atualmente o mercado brasileiro de suplementos alimentares é composto de categorias de produtos para atender as necessidades de cada desportista ou atleta. Cada produto tem uma indicação específica, que de acordo com sua composição, é capaz de contribuir para melhor performance, saúde e qualidade de vida.

De acordo com o presidente da Brasnutri, Synésio Batista da Costa, as pessoas estão mais interessadas em saber como manter a longevidade de forma saudável e prática. “Diante do aumento da expectativa de vida certamente todos querem viver mais, com força e vigor. Nosso segmento cresce a cada ano e percebemos cada vez mais o interesse pelo consumo de suplementos. Para conquistar os benefícios da suplementação é necessário buscar o tipo correto e quantidade adequada de suplementação a ser consumida, por meio de orientação profissional”, declara.

Para compreender melhor sobre qual suplemento é indicado para antes do treino ou da atividade física, a nutricionista Rachel Rodrigues orienta sobre a importância da individualidade biológica. “A recomendação da suplementação deve ser realizada de maneira individualizada, por um profissional habilitado, para que toda e qualquer população possa ter acesso aos benefícios de um treino de qualidade. Temos hoje uma grande variedade de ativos que promovem melhora da performance, podemos adaptá-los às necessidades de cada paciente”.

A praticidade dos suplementos facilita a rotina agitada de muitas pessoas e também auxilia quem pratica atividade física intensa e precisa de um aporte de nutrientes. A seguir, a entrevista da nutricionista Raquel Rodrigues sobre a suplementação pré-treino, explica a função e os tipos de suplementos disponíveis no mercado nacional.

  1. Tomar suplementos antes de treinar faz a diferença para quem busca melhores resultados?
    RR: Sim. Quando adequados a atividade a qual irá ser efetuada, a suplementação amplia a performance do treino, seja para quem busca melhor resistência, emagrecimento ou força.

2. Qual tipo de treino ou atividade desportiva necessita de pré suplementação?
RR: Todas as atividades podem e devem ter uma suplementação prévia, seja ela de carboidratos, antioxidantes e aminoácidos, tanto nas atividades de endurance (corrida, natação, ciclismo etc.), como para melhora da força (musculação, powerlift, fisiculturismo etc.), com o uso de aminoácidos específicos como arginina , beta alanina , etc.
O Crossfit tem se destacado e seu público tem buscado a suplementação, visto que o desgaste físico é grande e seu tipo de atividade mescla resistência e força, tornando necessária a suplementação para atingir níveis melhores de desempenho, nas competições.
Para pessoas que treinam de maneira recreativa, a suplementação pode vir a sanar certas deficiências e desgaste físico ocasionado pelo treino, promovendo assim maior bem-estar e qualidade de vida. Pode promover ainda, dependendo do objetivo, a redução de peso corporal ou ganho de massa muscular.

3. Quais os tipos de suplementos pré-treino mais recomendados pelos profissionais? De que maneira são benéficos?
RR: Irei citar os ingredientes que são mais utilizados atualmente (combinados ou isolados) na suplementação. O mais conhecido de todos é a cafeína, que promove a melhora do desempenho de resistência e aumento da termogênese. Quando combinado com aminoácido taurina, temos a redução da ansiedade e dos efeitos adversos (os quais podem variar de indivíduo para indivíduo). Ainda no âmbito de melhora de treino e melhor utilização de ácidos graxos temos a L-carnitina, que associada com cafeína promove transporte de ácidos graxos para utilização no tecido muscular.

Para os exercícios de força podemos citar o uso da Creatina, ingrediente presente em grande parte dos pré-treinos, pois fornece energia durante os exercícios físicos intensos e de curta duração.  Auxiliar na redução de danos à musculatura, possibilitando aumentar a intensidade do treino e favorecer ao ganho de massa magra.
A Beta Alanina, precursora da Carnosina, que está presente nas fibras musculares, atua de forma tampão, reduzindo a fadiga por acidose, promovendo melhor resistência e desempenho máximo. Seu efeito é significativo tanto em indivíduos treinados quanto em destreinados.
A Coenzima Q10 se apresenta como um ativo para pré-treino de excelência, visto que atua na geração de energia a nível mitocondrial (ATP) aumentando o tempo até chegar exaustão e limiar de consumo máximo de oxigênio, sendo interessante para atividades aeróbias as quais existe uma demanda maior de energia e de longa duração como ciclismo, triátlon , corridas etc.

A Arginina, outro grande ingrediente dos pré treinos, tem capacidade de aumentar a produção de óxido nítrico, promovendo assim aumento da vasodilatação e com isso aumento do fluxo de nutrientes e oxigênio para todo o tecido muscular em atividade, com isso temos como efeito principal ligado ao treino o aumento da força. Um ingrediente exclusivo que potencializa esse efeito de melhor fluxo sanguíneo é o FruitFlow, um extrato concentrado de tomate que promove redução do efeito de coagulação durante o exercício, promovendo o fluxo contínuo de nutrientes durante o treino. É um ingrediente seguro para prevenção de doenças cardiovasculares, sem efeitos colaterais e nem restrição de uso para diversas populações.

4. Como se deve tomar os suplementos de pré-treino?
RR: Em geral a recomendação é média 30 a 40 minutos antes da atividade, com água, se a pessoa tiver realizado a última refeição sólida (com proteínas e gorduras), com 1 a 1h30 de antecedência, para não ter atraso na absorção. No caso de refeição com carboidrato, esse tempo pode ser reduzido de 30 a 40 minutos (de distância da suplementação).

5. Qualquer pessoa pode tomar suplementos pré treino? Qual a orientação?
RR: A recomendação da suplementação deve ser realizada de maneira individualizada, por um profissional habilitado, para que toda e qualquer população possa ter acesso aos benefícios de um treino de qualidade. Visto que hoje, no mercado de suplementação, conseguimos uma grande variedade de ativos que promovem melhora da performance, podemos adaptá-los às necessidades de cada cliente.

6. Outros comentários que queira fazer sobre os suplementos pré-treino.

RR: Hoje nas prateleiras possuímos uma grande variedade de produtos que prometem ampliar os resultados, porém, cabe ao consumidor buscar mais informações junto aos profissionais qualificados para que não se frustre na aquisição de produtos que não atendem a sua real expectativa de resultados. Atualmente, com a reformulação das regras pela Anvisa, temos a oportunidade de adquirir suplementos com um nível altíssimo de qualidade, que não deixam nem um pouco a desejar em relação aos importados.

Fonte: Rachel Gloria Marinho Rodrigues, nutricionista, consultora científica da Atlhetica Nutrition.


Talvez você também goste