Ciência & Tecnologia

Bilionário quer lançar projeto que prevê internet espacial

O empreendedor bilionário da tecnologia Elon Musk anunciou planos para um projeto de Internet espacial que poderia fornecer um acesso mais rápido e mais barato ao redor do globo, informou o jornal The Telegraph.

O projeto de 15 bilhões de dólares, que prevê a colocação de centenas de satélites a 1.207 quilômetros acima da Terra, seria capaz de acelerar a transferência de dados e proporcionar cobertura para os três bilhões de pessoas que não têm o serviço. A velocidade seria semelhante à de cabos de fibra óptica em terra, mesmo tendo em conta a distância que os dados tem de se deslocar entre os satélites e Terra.

O empreeendedor envolvido na estruturação de empresas como Paypal e Tesla Motors anunciou o projeto durante a abertura de novos escritórios em Seattle para a SpaceX, sua empresa de foguetes que tem contrato com a Estação Espacial Internacional. O bilionário disse que inicialmente terá 60 pessoas trabalhando no projeto, mas que esse número pode subir para 1.000 em poucos anos.

O projeto de Musk também poderá formar a base de um sistema de comunicação com Marte caso o empreeendedor consiga atingir uma de suas maiores ambições: estabelecer uma colônia humana no planeta vermelho. “Vai ser importante para Marte ter uma rede global de comunicações. Eu acho que isso precisa ser feito”. Segundo ele, levará pelo menos cinco anos para que os os primeiros satélites fiquem prontos.

O empresário britânico Richard Branson já está investindo em um projeto chamado OneWeb que pretende colocar 648 micro satélites em órbita para fornecer serviços de internet e de telefone de alta velocidade a partir do espaço.

O Google é outra empresa interessada em fornecer internet para todos a partir do espaço. A empresa está desenvolvendo o Projeto Loon que tem o objetivo de disponibilizar o serviço a áreas remotas a partir do uso de balões de ar quente. Enquanto isso, o fundador do Facebook, Mark Zuckerberg explora drones gigantes, satélites e lasers como métodos de entrega.


Talvez você também goste