Ciência & Tecnologia Tecnologia

Como funciona um antivírus no computador

Quando se pensa em manter o computador longe de ameaças virtuais, a primeira atitude a fazer é instalar um bom antivírus na máquina. Todo mundo sabe que o programa é a melhor maneira de bloquear a entrada de invasores no sistema.

O antivírus age como uma rede que captura os arquivos maliciosos filtrando apenas o que não é nocivo ao computador. Essa rede protege a máquina de sites infectados, arquivos corrompidos e até dispositivos externos que estejam contaminados com trojans, malwares, entre outras ameaças.

Saber que a máquina tem um bom antivírus – atualizado – no sistema, já tranquiliza! A capacidade de ele agir em caso de um ataque de criminosos é alta, e garante a sua segurança online.

Mas afinal, como funciona um antivírus?

Todos os dias, milhares de vírus são lançados na web. E na internet, criminosos ficam cada vez mais ousados e espalham armadilhas por toda a rede. O antivírus é como um xerife, e a sua principal função é identificar e prender os “meliantes” da grande cidade chamada sistema operacional.

Um antivírus possui seu próprio banco de dados, com informações atualizadas sobre as ameaças encontradas no mundo digital. Essa “ficha” dos vírus é o que garante que o programa de segurança reconheça a ameaça e não a deixe invadir o computador.

O antivírus compara essas informações e dessa forma, são capazes de detectar a presença de invasores em sua máquina.

LEIA MAIS

+ Proteja seu pendrive de vírus e roubos

+ O que fazer quando a sua senha de e-mail for roubada?

Caso algum programa malicioso tente mudar essa ficha e alterar o sistema, o antivírus é capaz de reconhecer esse comportamento e bloquear a ação.

Quando um arquivo age de modo suspeito, mas não é identificado belo banco de dados do antivírus, há a opção da quarentena. Nesse caso, o programa de segurança manda o arquivo suspeito para uma espécie de prisão. O antivírus isola o arquivo, até que ele seja reconhecido por alguma atualização nas “fichas” das ameaças.

Garantir que os cibercriminosos não entrem na “grande cidade” e eliminar os meliantes que conseguem brechas no sistema é a principal função do antivírus. Mas para quem acha que esse super-herói age sozinho, está enganado. A atitude do internauta é uma grande aliada à segurança. Desse modo, evite comportamentos de risco, e busque se manter informado sobre segurança digital.

Quer saber mais sobre segurança na internet? A McAfee, maior empresa especialista em tecnologia de segurança do mundo, tem dicas e soluções que ajudam a proteger os consumidores e as empresas de todos os tamanhos contra os malwares e as ameaças on-line mais recentes. Para mais informações, acesse o site http://www.mcafee.com/br


Talvez você também goste