Ciência & Tecnologia Tecnologia

Criador do pop-up pede “desculpas” por criar ferramenta

O criador dos pop-ups de internet, Ethan Zuckerman, pediu desculpas por ter criado a ferramenta que nos dias de hoje é amplamente utilizada em propagandas na web. Em um artigo publicado na revista The Atlantic, o programador e ex-funcionário da Tripod (ele trabalhou entre 1994 e 1999 no site) confirmou que criou a ferramenta no período que esteve na empresa.

“Eu escrevi o código para abrir a janela e rodar a propaganda nele”, escreveu Zuckerman à revista. “Desculpem-me. Nossas intenções eram boas”. Na visão do programador ele ainda afirma que ele e sua equipe, acabaram criando uma das ferramentas “mais odiosas no kit do publicitário”.

Ethan Zuckerman termina o artigo intitulado “O pecado original da internet” dizendo que, os 20 anos de internet suportada na publicidade, transformaram o atual modelo em um formato ruim, quebrado e corrosivo. “É hora de começarmos a pagar pela privacidade, a suportar os serviços que gostamos e abandonar aqueles que são gratuitos, mas vender nós – os usuários e nossa atenção – como um produto”, afirmou o programador.


Talvez você também goste