Ciência & Tecnologia Tecnologia

Eclipse lunar raro acontece este mês e será visível em todo o Brasil

A última vez que um eclipse total de uma superlua aconteceu o mundo ainda era dividido pela Guerra Fria, o Brasil não era uma democracia, ET O extraterrestre era sucesso de bilheteria nos cinemas, e o mundo da música perdia Elis Regina. O ano era 1982, e a lua sangrava no céu. No próximo dia 27 de setembro, acontecerá pela primeira vez no milênio outro eclipse desse tipo.

O raro fenômeno astronômico aconteceu apenas cinco vezes no século passado, e a próxima data para conferir a lua de fogo será em 2033. Por isso, não importa aonde você estiver, terá que perder alguns minutinhos olhando para cima. Será possível observar o eclipe total de todo o Brasil.

Para entender

A superlua acontece quando o satelete natural da Terra se aproxima da atmosfera do planeta, por causa da órbita elíptica. É nesse momento que a lua parece 14% maior para quem a vê da Terra. Este mês, a superlua ficará encoberta pela sombra da Terra, produzindo o eclipse total. A região de penumbra ainda recebe um pouco de luz, e o efeito é espetacular: a lua ficará vermelha. “Com o horizonte da Lua em primeiro plano, a Terra passa à frente do Sol, revelando um anel vermelho de auroras e crepúsculos ao longo dos limites do planeta”, explica a Nasa.

A Agência Espacial Norte Americana (Nasa) produziu uma animação para explicar o que ocorre neste eclipse. Confira a animação.


Talvez você também goste