Ciência & Tecnologia Tecnologia

Entenda como a 'porta dos fundos' de um computador pode indicar perigo

Foto: Mundo Positivo

Se o seu computador fosse uma casa, qual seria a porta de entrada preferida para um ladrão? Com certeza, não seria a porta da frente. Para invadir um PC, um hacker, geralmente, utiliza a “porta dos fundos”, conhecida no mundo da tecnologia como backdoor.

LEIA MAIS

+ Como identificar se um site é falso
+ Pesquisador descobre como andar de graça pelo Uber
+ O que é um cookie e como ele impacta na sua segurança digital?
+ Existe lado bom nas profundezas da internet? Entenda sobre a Deep Web

Mas como deixar a porta dos fundos sempre aberta?

Neste caso, o criminoso usa um malware chamado Troiano de Acesso Remoto, ou RAT, que permite acesso não autorizado à máquina. Uma vez lá dentro, ele pode ter o controle total do computador, inclusive o acesso a senhas, logins e programas. Dessa maneira, o cibercriminoso pode criar e apagar qualquer arquivo, alterar as configurações do sistema e até executar programas – como ligar a webcam, entre outras coisas.

Além disso, o hacker pode também usar o computador infectado como um “zumbi”. Este termo é usado quando ele us a máquina invadida para promover outros ataques, sem a vítima saber que a sua máquina está sendo usado para cometer mais crimes.

Como se proteger do ataque?

O backdoor pode ser instalado em um computador por meio de e-mails maliciosos que carregam vírus. A melhor maneira de se proteger desse tipo de ataque é instalar um firewall no computador – uma espécie de programa que funciona como uma barreira para invasões, e manter sempre o seu antivírus atualizado.

Foto: Mundo Positivo

Gostou da matéria? Siga a McAfee no Twitter e fique sempre por dentro das dicas de segurança digital.

Quer saber mais sobre segurança na internet? A McAfee, maior empresa especialista em tecnologia de segurança do mundo, tem dicas e soluções que ajudam a proteger os consumidores e as empresas de todos os tamanhos contra os malwares e as ameaças online mais recentes. Para mais informações, acesse o site: http://www.mcafee.com/br.


Talvez você também goste