Ciência & Tecnologia Tecnologia

Formatar o PC melhora a máquina em caso de vírus?

Foto: Mundo Positivo

É difícil viver com o escudo sempre aposto quando o assunto é internet. Uma pesquisa revelada pelo site Convergência Digital, em novembro de 2015, mostrou que um novo vírus de computador é criado a cada cinco segundos. Isto significa que, quando o assunto é web, o usuário precisa desconfiar até de sua própria sombra.

LEIA MAIS

+ Como identificar se um site é falso
+ Existe lado bom nas profundezas da internet?
+ O que é um cookie e como ele impacta sua segurança digital?
+ Sequestro do número de telefone pode comprometer sua vida digital

Se, por acaso, a sua máquina for infectada por um código malicioso, a primeira coisa a se fazer é acionar o antivírus. Após todo o PC, o programa verificará qual é a melhor opção: colocar o vírus em quarentena ou apagá-lo de uma vez. Outra ideia é fazer a restauração do Windows, contudo, indica-se fazer isso se você dados de configurações salvos anteriormente, como um backup. Agora, se isso não der conta, a formatação é o jeito mais viável.


Hora de formatar

Antes de formatar o seu computador é preciso separar quais arquivos pretende manter e quais serão deletados. Para isto, use um HD externo ou uma mídia de DVD-RW. Aproveite para organizar suas pastas de textos, trabalhos, fotos, músicas, filmes, softwares e drivers.

É sempre bom lembrar que alguns arquivos maliciosos podem ficar armazenados em regiões profundas do sistema operacional de seu PC, logo, nem mesmo a formatação pode dar fim a esse vírus. Neste caso, a reinstalação do Windows pode corrigir os problemas, porém não é 100% garantido.

Logo, se você não for um técnico em assuntos de tecnologia, procure o suporte de alguém de sua confiança para não gerar ainda mais problemas. Uma vez que a formatação é feita de maneira errada, ela pode comprometer ainda mais a usabilidade de sua máquina.

Quatro dicas básicas para ficar evitar vírus no computador:

1. Desconfie de links suspeitos enviados por pessoas desconhecidas;
2. Evite navegar em páginas de conteúdos diferentes dos que você já está acostumado;
3. Tenha sempre um antivírus e softwares de proteção instalados e ativados em seu PC;
4. Fique de olho em qualquer ação suspeita ou mudança repentina no seu computador (máquinas infectadas ficam lentas, abrem propagandas a todo momento, redirecionam sites e mostram falsos arquivos de antivírus).

Foto: Mundo Positivo

Gostou da matéria? Siga a McAfee no Twitter e fique sempre por dentro das dicas de segurança digital.

Quer saber mais sobre segurança na internet? A McAfee, maior empresa especialista em tecnologia de segurança do mundo, tem dicas e soluções que ajudam a proteger os consumidores e as empresas de todos os tamanhos contra os malwares e as ameaças online mais recentes. Para mais informações, acesse o site: http://www.mcafee.com/br.


Talvez você também goste