Mundo Tech

Instagram testa recurso para que usuários compartilhem fotos na aba Coleção

O Instagram está planejando atacar o domínio do Pinterest como plataforma para a busca de imagens – assim como fez com o Snapchat. A rede social começou a testar um novo recurso para a aba Coleção que permitirá a criação de uma pasta pública para que usuários possam compartilhar e incluir imagens.

Há dois anos, a empresa lançou a ferramenta Coleção, mas no modo privado. É possível salvar suas fotos favoritas, organizá-las em diferentes pastas e acessá-las mais tarde. O teste foi descoberto pela especialista em engenharia Jane Manchun Wong. Ela conta que encontrou o recurso no código do Instagram para Android.

O recurso tem potencial para dar certo: os usuários poderiam usá-lo para agrupar seus memes favoritos, destinos de viagem e itens de moda. Isso também poderia reduzir o apropriamento indevido de conteúdo – as pessoas conseguiriam se expressar sem precisar de uma captura de foto, por exemplo.

Screenshot do protótipo que está sendo testado pelo Instagram. Imagem: Reprodução / Jane Manchun Wong

Como mostra a imagem, o novo recurso do Instagram deixará que os usuários escolham se sua coleção será pública ou não. Há também a opção de marcar contribuidores, que podem incluir imagens à pasta.

A notícia chega poucos dias depois que o Pinterest preenchou um relatório para fazer sua oferta inicial de ações (IPO, na sigla em inglês). A expectativa é de que a empresa seja avaliada em US$ 12 bilhões na bolsa.

Vale a pena relembrar que o Instagram lançou o stories apenas seis meses depois que o Snapchat fez seu IPO. Isso acabou reduzindo o crescimento do aplicativo em 88%. Dois anos depois, o Snapchat enfrenta dificuldades para crescer e suas ações não são negociadas a nem um terço do que foram no auge.

O mesmo pode acontecer com o Pinterest: com 1 bilhão de usuários mensais e 500 milhões de usuários diários, o Instagram é quatro vezes maior que a plataforma online.

Ao TechCrunch, o Instagram negou os testes. O site ressalta que esta é uma resposta padrão para questionamentos de imprensa sobre produtos que não estão disponíveis para o público geral, mas que estão em desenvolvimento interno.

Por enquanto, nada no código do Instagram indica que os usuários poderão seguir coleções de outras pessoas. Mas parece um passo natural: a rede social já permite que pessoas sigam hashtags.

Outra novidade que o Instagram pode apresentar aos usuários é a possibilidade de assistir ao IGTV enquanto navega pelo resto do seu smartphone. A descoberta também foi feita por Jane.

O Instagram está disponível para usuários do Android, mas também do iOS.

Fonte: Canaltech