Ciência & Tecnologia Tecnologia

Invenção usa sal e bateria de carro para purificar água

Reserve um pouco d’água, adicione uma colherada de sal e junte tudo com um pouco de eletricidade. Dessa receita nasce uma solução de cloro capaz de purificar até 200 litros água. O responsável pela reação química? O SE200 Community Chlorine Maker.

Fruto de uma parceria entre uma ONG e uma empresa de equipamentos de montanhismo dos Estados Unidos, o aparelho promete tornar o cloro – elemento químico eficiente para a purificação de água – acessível a populações pobres e isoladas do mundo inteiro. Dessa maneira, elas podem ter acesso facilitado a água potável. De acordo com a Organização Mundial da Saúde, mais de 750 milhões de pessoas no mundo inteiro não tem acesso a fontes de água próprias para o consumo.

Para produzir o cloro, basta colocar água e uma quantidade de sal em um recipiente especial que é conectado a uma bateria de 12 volts de carro ou de motocicleta por um par de cabos. O sal se dissolve naturalmente em íons de sódio e cloreto e, ao receber uma pequena descarga elétrica, os íons de cloreto se oxidam para se transformar em cloro. O processo inteiro leva apenas cinco minutos.

Preocupada em facilitar a operação do SE200 para populações com baixa escolaridade, a Mountain Safety Reasearch, responsável pelo projeto, também procurou oferecer uma interface amigável. Luzes piscam durante a realização do processo químico e uma carinha feliz indica o final do procedimento.

O produto tem lançamento previsto para maio de 2016, mas já passou por testes em mais de 10 países, incluindo Quênia, Gana, Índia e Haiti.

O equipamento deve ser vendido a US$ 200 dólares – cerca de R$ 760 – e a empresa desenvolvedora do produto garante que ele pode fornecer tratamento adequado de água para 200 pessoas durante 5 anos.


Talvez você também goste