Mundo Tech

Mulher mantida em cárcere privado é salva após pedir ajuda pelo Google Maps

Mulher mantida em cárcere privado é salva após pedir ajuda pelo Google Maps - 1

Na última semana, uma mulher de 34 anos que estava sendo mantida em cárcere privado em Juiz de Fora (Minas Gerais) pediu ajuda por meio de uma função do Google Maps. A delegada Ângela Fellet, da Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher, conta que a vítima foi obrigada pelo marido a passar a noite em um banco fora de casa, e foi quando aproveitou para utilizar o celular e preencher um questionário do Maps para pedir o socorro.

Aconteceu da seguinte maneira: a mulher acessou o app do Google Maps e procurou ali pela delegacia da mulher. Aproveitou, então, a opção “perguntas da comunidade” para fazer ali o pedido de ajuda. Na manhã de quarta-feira (29), as autoridades ficaram sabendo da denúncia através da plataforma e partiu para a ação. Antes de a Polícia Civil chegar ao local, o marido da vítima chegou a jogar o celular da mulher na água, ao perceber que ela tinha utilizado o telefone para fugir do cárcere.

Mulher mantida em cárcere privado é salva após pedir ajuda pelo Google Maps - 2
A vítima usou a parte de “perguntas da comunidade” para pedir socorro para ser libertada do cárcere privado imposto pelo marido

A delegada conta o seguinte: “Ele não deixou ela dormir dentro de casa. Ela pegou o celular, acessou a internet e encaminhou perguntas sobre como sair de casa, pois o marido a ameaçava e não permitia que ela saísse do imóvel”. A equipe policial ainda acrescenta que o relacionamento entre os dois já durava dois anos, e eles têm um filho de um ano. Segundo a Polícia Civil, além do cárcere privado, a mulher também denunciou agressões físicas e verbais, além de ameaças psicológicas.

Trending no Canaltech:

Fonte: Canaltech