Mundo Tech Tecnologia

França quer banir criptomoeda do Facebook na Europa

França quer banir criptomoeda do Facebook na Europa - 1

Uma falta de confiança expressada mais de uma vez pela França pode acabar levando a um banimento da criptomoeda do Facebook em toda a Europa. É isso o que afirma Bruno Le Maire, ministro da economia francês, que em uma conferência sobre as moedas virtuais, disse, com todas as letras, que o seu governo vai trabalhar para que a Libra seja proibida em todo o território europeu.

De acordo com ele, o lançamento da moeda virtual da rede representa grande ameaça à estabilidade econômica do bloco. Le Maire afirma que os riscos na utilização da Libra são grandes demais e que, de forma inversamente proporcional, não há confiança suficiente no Facebook para fazer a coisa certa, o que torna a aplicação da modalidade financeira uma aposta bastante arriscada.

O ministro citou um risco sistêmico na utilização de uma moeda privatizada e controlada por uma única empresa, mas com um alcance de dois bilhões de pessoas em todo o mundo. Uma falha de segurança, um problema nas reservas financeiras ou uma indisponibilidade qualquer, na visão do político, teria consequências graves para todo o sistema financeiro não apenas europeu, mas também global.


Siga no Instagram: acompanhe nossos bastidores, converse com nossa equipe, tire suas dúvidas e saiba em primeira mão as novidades que estão por vir no Canaltech.

Além disso, para ele, preocupações recorrentes quanto às Bitcoins, Ethers e tantas outras criptomoedas também se aplicam à Libra, com esse controle privado e o controle de informações pelo Facebook podendo levar à utilização do dinheiro para o financiamento de atos ilícitos, lavagem de dinheiro ou terrorismo. Mais uma vez, ele cita falta de confiança na moderação e controle do Facebook, da mesma forma que acontece tantas vezes com a própria rede social, que demonstra uma dificuldade de lidar com discursos inaceitáveis em sua plataforma.

Falando durante uma conferência da OECD, a Organização para Desenvolvimento e Cooperação Econômica da Europa, Le Maire não deu detalhes sobre as vias que o governo francês usará para tentar um banimento da Libra em toda a Europa. A alternativa principal seria um contato com os reguladores financeiros da União Europeia, que por si só, já demonstraram suas dúvidas não apenas quanto às moedas do Facebook em si, mas em relação ao mercado digital financeiro como um todo.

Também não é a primeira vez que o governo francês demonstra preocupações quanto à Libra. Durante a reunião do G7, no final de agosto, Le Maire já havia dito que a França se oporia à aplicação da criptomoeda, justamente, pelo fato de que ela não teria a solidez e confiança necessária, passando longe do controle estatal. Na ocasião, o ministro afirmou não entender por que as mesmas salvaguardas impostas a outras modalidades de dinheiro digital não podem ser aplicadas também à Libra.

A França é o país mais vocal em sua contrariedade, mas a moeda do Facebook também enfrenta desafios no Reino Unido e nos Estados Unidos. A rede social não se pronunciou sobre as novas declarações de Le Maire, mas no passado, já rebateu declarações desse tipo afirmando não ser a única controladora da Libra, cuja governança deve ser feita por um grupo de 28 organizações unidas sob a Calibra, que tem sede em Genebra, na Suíça.

Trending no Canaltech:

Fonte: Canaltech


Talvez você também goste