Tecnologia

O que você precisa saber antes de comprar um smartphone

Quem quer comprar um smartphone pode encontrar uma certa dificuldade: com a imensa oferta de modelos de vários fabricantes, com as mais variadas configurações e preços, fica difícil determinar quais deles são um bom negócio e quais são garantia de decepção. Como separar o joio do trigo?

Foi por isso que preparamos o infográfico abaixo, onde explicamos de forma rápida o que importa na hora de comprar um smartphone. Com ele você já estará preparado para fazer uma boa escolha, mas se quiser se aprofundar no assunto, continue lendo. Iremos explicar em detalhes cada um dos itens na imagem.

Quer um novo smartphone? Estas são as características que você deve procurar.
Quer um novo smartphone? Estas são as características que você deve procurar.

Antes de comprar um smartphone, veja: tamanho da tela

A tela é um dos componentes mais importantes na experiência do usuário com um smartphone, afinal você irá olhar para ela o tempo todo. E de nada adianta uma tela enorme se a qualidade de imagem for ruim.

Ao comprar um smartphone prefira modelos com tela HD (resolução de 1280 x 720 pixels, em termos técnicos) ou superior, e tamanho a partir de 5″, o que é o bastante para garantir textos nítidos e uma experiência de navegação na web confortável. Fique de olho em termos como AMOLED ou IPS, que denotam telas com qualidade de imagem superior às telas LCD tradicionais.

Capacidade da bateria

A bateria é como o “tanque de combustível” de seu smartphone, e sua capacidade é medida em mAh (Miliamperes/Hora). Há vários fatores que influenciam a autonomia de um smartphone, mas simplificando as coisas, quanto maior o “tanque” mais autonomia seu smartphone terá fora da tomada. Aparelhos intermediários devem ter baterias com capacidade na faixa dos 2.000 mAh, nunca menos.

Quanto maior a capacidade da bateria de um smartphone, melhor.
Quanto maior a capacidade da bateria de um smartphone, melhor.

Smartphone 3G ou 4G?

Redes 4G oferecem acesso mais rápido à internet, e estão presentes em um número cada vez maior de cidades no país. Aparelhos compatíveis com esta tecnologia são um pouco mais caros, mas se você faz uso intenso da internet móvel, por exemplo para assistir vídeo da internet, videochamadas ou postar fotos e vídeos em redes sociais, o investimento compensa.

E não se preocupe: mesmo que sua cidade não tenha uma rede 4G em operação, um aparelho 4G ainda irá funcionar, já que todos são capazes de operar também em modo 3G. Ou seja, você pode comprar um smartphone 4G hoje e, quando a tecnologia chegar à sua cidade, ser um dos primeiros a aproveitar os benefícios.

Ainda assim, os modelos 3G podem ser uma boa pedida para quem não faz questão da conexão mais rápida, ou seja, que tem um perfil mais “casual” na web e pretende, na maior parte do tempo, usar e-mail e WhatsApp. E tem a vantagem de ser um pouco mais baratos.

Dual-SIM é importante?

Ter dois “chips” (ou SIM Cards) é algo muito comum entre a população brasileira, seja para separar a vida pessoal da profissional ou simplesmente economizar nas ligações para os amigos e familiares.

Comprar um smartphone Dual-SIM pode ser uma boa forma de separar a vida pessoal da profissional.
Aparelhos Dual-SIM são muito úteis para separar a vida profissional da pessoal,
ou mesmo para economizar em viagens. Crédito: Simon Yeo / Flickr (CC-BY-SA 2.0)

Mesmo quem usa uma só linha no dia-a-dia pode se beneficiar: durante uma viagem, por exemplo, você pode adicionar ao aparelho um SIM Card com uma linha local para ter ligações telefônicas ou mesmo acesso à internet mais baratos, sem abrir mão da linha usada no dia-a-dia.

Resolução da câmera

A capacidade fotográfica dos smartphones modernos evoluiu tanto que, na prática, eles substituíram as câmeras domésticas na maioria das tarefas. E para evitar se desapontar com a qualidade das fotos, procure comprar um smartphone com uma câmera traseira de pelo menos 8 MP com Flash. Se você curte Selfies, a câmera frontal deve ter 5 MP, e recursos como um flash frontal ou “Flash na tela” fazem diferença nas fotos noturnas.

Prefira smartphone com câmeras de 8 MP ou mais.
Um módulo de câmera de um smartphone. Ao escolher seu novo aparelho, procure modelos com câmeras de 8 MP ou mais.

Entretanto, muitos “megapixels” por si só não são garantia de fotos de boa qualidade. Por isso, se a câmera é realmente importante para você procure na internet, em análises em sites especializados ou redes sociais, fotos feitas com o aparelho que pretende comprar. Assim você evita surpresas.

Quantidade de memória RAM

Todo smartphone tem dois tipos de memória. A RAM é a memória de trabalho usada pelos apps abertos, e a “flash” ou memória interna é usada pelos apps instalados no aparelho e para armazenar fotos, vídeos, músicas, mensagens do WhatsApp, etc.

Cada app aberto precisa de um pouco de memória RAM para funcionar, e se o aparelho tiver pouca RAM vai começar a “engasgar” ao trocar ou abrir apps enquanto o sistema tenta liberar memória para completar a tarefa.

A capacidade da memória RAM é medida em gigabytes (GB). 1 GB é o mínimo para uma experiência confortável para um usuário moderno, mas recomendamos 2 GB (ou mais) para o melhor desempenho possível. Com memória, não importa o tipo, o lema é “quanto mais, melhor”.

Quantidade de memória interna

É na memória interna que ficam armazenados todos os apps e arquivos de seu smartphone, além de fotos, vídeos, músicas, mensagens do WhatsApp, etc. Você já tentou instalar um app ou salvar uma foto e viu uma mensagem de “espaço insuficiente”? Isso acontece porque faltou espaço na memória interna.

A capacidade também é medida em Gigabytes, e aqui o mínimo em um aparelho moderno são 16 GB. Explico o motivo: o sistema operacional (Android) e todos os apps que vem de fábrica em seu smartphone consomem parte desde espaço, e a fatia realmente disponível para uso é menor do que o anunciado. Em um aparelho de 8 GB, por exemplo, é comum encontrar apenas a metade (4 GB) livres. Instale alguns apps e um jogo moderno, como Asphalt 8 (que sozinho tem quase 2 GB) e pronto, acabou o espaço. Novamente, quanto mais melhor.

Precisa ter entrada para cartões MicroSD?

Cartões microSD são uma forma fácil e barata de adicionar mais memória a seu smartphone. É memória para armazenamento que funciona como a memória interna, mas aqui há uma limitação importante que é imposta pelo sistema operacional Android: apesar de algumas exceções à regra, no geral aplicativos não podem ser instalados em um cartão de memória. Estes podem ser usados apenas para armazenar fotos, vídeos, músicas e arquivos.

Cartões microSD são uma forma rápida e barata de aumentar a capacidade de armazenamento de seu smartphone.
Cartões microSD são uma forma rápida e barata de aumentar a capacidade de armazenamento de seu smartphone.

Nem todos os smartphones tem entrada (slot) para cartões microSD, portanto se você pretende usá-los é bom prestar atenção na hora da compra. Minha recomendação é a seguinte: prefira comprar um smartphone com a maior capacidade de memória interna que puder e que também tenha um slot para cartões microSD. Assim, se você eventualmente lotar a memória interna poderá ao menos mover suas fotos, vídeos e músicas para o cartão e liberar espaço.

Tipo do processador

Se um smartphone fosse uma orquestra o processador seria o maestro, responsável por conduzir o funcionamento de todos os componentes com harmonia. A velocidade de operação é medida em Gigahertz (GHz), e hoje são comuns modelos com múltiplos núcleos de processamento, ou seja, múltiplos processadores em um só chip. Modelos com 2 núcleos são “Dual-Core“, com 4 núcleos são “Quad-Core“, com 8 núcleos são “Octa-Core” e já há modelos com 10 núcleos, os “Deca-Core“.

Mas atenção: mais Gigahertz ou núcleos não significam necessariamente maior desempenho. Diferentes processadores podem ter arquiteturas (sua organização interna) diferentes, o que pode torná-los mais ou menos eficientes que um concorrente.

Processadores com múltiplos núcleos, como este usado no Quantum GO, ajudam na multitarefa, e até a economizar energia!
Processadores com múltiplos núcleos, como este usado no Quantum GO, ajudam na multitarefa, e até a economizar energia!

Ainda assim, podemos dizer que processadores com múltiplos núcleos são vantajosos. O sistema operacional Android é esperto o suficiente para “quebrar” uma tarefa em partes menores para que todos os processadores possam trabalhar nela ao mesmo tempo (concluindo mais rápido) ou distribuir tarefas para diferentes núcleos de acordo com a capacidade disponível, evitando que fiquem sobrecarregados e façam o smartphone “engasgar”. Por isso, recomendamos comprar um smartphone com processador Quad-Core ou superior.

E os smartphones Quantum?

Os smartphones Quantum atendem (e excedem) todas as características acima. A começar pelo Quantum MUV, um smartphone 4G de entrada que custa a partir de R$ 899 com tela HD de 5.5″, 16 GB de memória interna, câmeras de 13 MP / 8 MP (traseira / frontal), bateria de 2.800 mAh e um processador quad-core de 1 GHz acompanhado por 1 GB de memória RAM. E não abrimos mão do design, com o elegante acabamento MetalPrint, apenas 8,2 mm de espessura e pesando 148 gramas.

O que você precisa saber antes de comprar um smartphone - 7
Os Quantum MÜV e MÜV PRO estão disponíveis em três cores.

Quem procura um aparelho um pouco mais sofisticado tem à disposição o Quantum MUV PRO, a partir de R$ 1.049. Ele tem o mesmo design com acabamento MetalPrinttela HD de 5.5″, bateria de 2.800 mAh e 16 GB de memória interna que seu irmão menor, mas com câmeras de 16 MP / 8 MP (traseira / frontal) e processador octa-core de 1.3 GHz acompanhado por 2 GB de RAM.

Outra opção são os Quantum GO, disponíveis em modelos 3G ou 4G com Dual-SIM em todas as configurações, tela HD de 5″, bateria de 2.300 mAh, câmeras 13 MP/5 MP (traseira/frontal) com flash na tela, 2 GB de RAM, 16 ou 32 GB de memória interna com slot para cartões microSD de até 32 GB e um poderoso processador com 8 núcleos. Tudo isso em um aparelho pesando apenas 115 gramas, com 6.5 mm de espessura e acabamento em vidro em ambas as faces, disponível nas cores Steel Grey (Cinza), Champagne Gold (Dourado) e Frozen White (Branco).

Modelos Quantum GO
Quantum GO: disponível em modelos 3G e 4G, e três cores diferentes.

Você encontra o Quantum GO no site da Quantum com preços a partir de R$ 899 pelo modelo 3G com 16 GB de memória interna.

Por fim há o Quantum FLY, o primeiro smartphone com um processador Deca-Core na América Latina. Equipado com uma tela Full HD de 5.2″, 3 GB de memória RAM e 32 GB de memória interna, ele é um smartphone Dual-SIM 4G com memória expansível com cartões microSD de até 128 GB, e tem câmera traseira de 16 MP com flash Dual-Tone e câmera frontal de 8 MP com flash integrado. Tudo isso pesando 140 gramas e com 7,5 mm de espessura, nas cores Stone Grey, Aurora Blue e Cherry Blossom. O Quantum FLY custa a partir de R$ 1.249 à vista.

Quantum FLY na cor Aurora Blue
Quantum FLY na cor Aurora Blue

Não importa se você é um usuário avançado ou casual, se prefere um smartphone grande ou compacto, temos um modelo para você. Visite nosso site e garanta já seu smartphone Quantum!


Talvez você também goste