Mundo Tech

Projeto Habitat Marte abre inscrições para missão espacial análoga virtual no BR

Projeto Habitat Marte abre inscrições para missão espacial análoga virtual no BR - 1

Com o propósito de simular as experiências vividas em uma estação baseada em solo marciano, o projeto Habitat Marte é uma iniciativa da Universidade do Rio Grande do Norte (UFRN) em parceria com o Centro Vocacional Tecnológico Espacial Augusto Severo (CVT-E), coordenado pela Unidade Regional da Agência Espacial Brasileira (AEB) no Rio Grande do Norte. Serão oferecidas 24 vagas para estudantes dos ensinos médio e superior, e as inscrições podem ser feitas até o dia 28 de maio.

A simulação, que ocorrerá entre os dias 7 e 21 de junho deste ano, proporcionará aos participantes a experiência de serem astronautas análogos ao longo de 10 encontros, que serão realizados totalmente de maneira virtual, até o fim da missão. Entre as diversas atividades que serão desempenhadas nas instalações de Marte, destacam-se as funções de chefes, pesquisadores e engenheiros — e tudo se passará dentro de setes estruturas: estação principal, centro de saúde, centro de engenharia, centro de lançamento, de saneamento, de engenharia e de energia.

O professor de engenharia da produção da UFRN, Júlio Resende, explica que a missão espacial análoga é uma tentativa de colaborar com o desenvolvimento de competências de diversas áreas do conhecimento, como engenharia, biologia, sustentabilidade, gestão, psicologia, saneamento e energias. Simulações interdisciplinares como esta são importantes para a exploração espacial, pois, através delas, é possível testar possíveis aplicações em futuras bases espaciais, tanto em Marte quanto na Lua.


Siga no Instagram: acompanhe nossos bastidores, converse com nossa equipe, tire suas dúvidas e saiba em primeira mão as novidades que estão por vir no Canaltech.

Projeto Habitat Marte abre inscrições para missão espacial análoga virtual no BR - 2
Instalações do Habitat Marte, no município de Caiçara do Rio do Vento (RN) (Imagem: Reprodução/Habitat Marte)

O Habitat Marte é um projeto que nasceu em 2017 e faz parte do Núcleo de Pesquisas em Engenharia, Ciência e Sustentabilidade da UFRN, no município de Caiçara do Rio do Vento (RN) — em uma área seca e de escassez hídrica, a 100 km de Natal, capital do estado. É um ambiente parecido com a instalação da Mars Desert Research Station (MDRS), em Utah (EUA), que é o segundo dos quatro simuladores habitacionais administrados pela Mars Society. Robert Zubrin, presidente da organização, classificou o Habitat Marte como “um fantástico trabalho de atuação”.

Por conta da pandemia, o projeto Habitat Marte foi projetado para executar as missões virtuais de maneira adaptada. Já foram realizadas, até o momento, mais de 30 missões espaciais virtuais análogas, com 200 participantes de 28 países. Desde o início do trabalho, foram realizadas 70 missões, tanto virtuais quanto presenciais, ultrapassando a marca de 300 participantes. Todas essas atividades geraram um bom volume de dados, os quais são utilizados em estudos e publicações.

Projeto Habitat Marte abre inscrições para missão espacial análoga virtual no BR - 3
Mars Desert Research Station, em Utah, Estados Unidos (Imagem: Reprodução/Mars Society/MDRS)

Um dos principais objetivos da simulação é a busca pela autossustentabilidade por meio da geração da própria energia, da reciclagem de resíduos e da produção do próprio alimento. Além disso, o Habitat Marte é comprometido com o desenvolvimento de tecnologias sociais, como forno solar, cisternas, aquaponia, filtros de água e estufas. O maior desafio é criar tecnologias que possam ser usadas não apenas no espaço, como também em regiões áridas, semiáridas ou ameaçadas pela falta de água aqui na Terra.

Para se inscrever, basta clicar aqui.

Trending no Canaltech:

Fonte: Canaltech