Ciência & Tecnologia Tecnologia

Vale a pena comprar um leitor de e-book? Compare os modelos

O mercado brasileiro de livros eletrônicos tem atraído uma série de empresas – tanto editoras, quanto fornecedoras de equipamentos de leitura. Mas a troca dos livros físicos para os livros digitais é um processo lento. Segundo dados da última pesquisa do Instituto Pró-Livro, divulgada 2012, 82% da população nunca leu um livro digital e 45% nem sequer ouviu falar em e-book.

Mesmo assim, especialistas acreditam que esse cenário já está mudando. “Independentemente do suporte, quem gosta de ler procura o conteúdo. O e-book facilita o usuário que usa tecnologia no dia a dia” comenta a socióloga Zoara Failla, gerente executiva de projetos do Instituto Pró-Livro.

Para quem quer um produto apenas para ler e não para jogar joguinhos, ver filme e acessar as redes sociais, os e-readers, pequenos aparelhos pensados especificamente para a leitura de livros digitais, podem facilitar a vida. O uso de display de e-ink proporciona uma imagem muito mais próxima a uma página impressa em papel, com pouco reflexo e alta definição do texto. “Além disso, os e-books facilitam o acesso a uma grande quantidade de livros que você pode ler em um único produto”, comenta Zoara.

Ainda segundo dados do Instituto, 29% dos leitores de livros digitais são jovens de 18 a 24 anos. “O jovem tem afinidade com a tecnologia, por isso o interesse é maior”, explica Zoara. “Os e-books permitem a comunicação e a interatividade entre leitor/leitor e leitor/autor. O autor deixa de estar em segundo plano e cria voz-ativa”, analisa ela.

Conheça os três principais produtos à venda no Brasil para não ficar de fora.

Kindle
O Kindle é um leitor de livros digitais desenvolvido pela Amazon que permite aos usuários comprar, baixar, pesquisar e ler livros digitais, jornais e revistas.

Os e-readers da Kindle são divididos em três modelos: o Kindle, com capacidade para 1.000 e-books; o Kindle Paperwhite, com capacidade para mais de 1.100 e-books; e o Kindle Paperwhite 3G.

A Amazon também introduziu o software do Kindle para ser utilizado em várias plataformas diferentes, como Microsoft Windows, iOS, BlackBerry, Mac OS X, Android, webOS e Windows Phone.

O produto está disponível com preços a partir de R$ 299.

Kobo
O Kobo é um leitor de livros digitais lançado pela Livraria Cultura. O e-reader compartilha o que você está lendo nas redes sociais, além de disponibilizar seu comportamento de leitura por meio de gráficos e estatísticas.

Possui quatro modelos (Tablet Kobo Arc, Kobo Touch, Kobo Glo e Kobo Aura HD), todos eles com portabilidade. Os e-books comprados para o Kobo podem ser lidos em qualquer aparelho. A leitura pode ser continuada de onde parou, no computador e smartphone – basta baixar o aplicativo do produto.

O Kobo ainda disponibiliza 30 mil e-books gratuitos, além dos pagos. O produto está disponível com preços a partir de R$ 299.

Lev
O Lev é o primeiro leitor digital lançado pela Saraiva. Ele conta com mais de 30 mil títulos em português e outros 450 mil em línguas estrangeiras. Com 4 GB de memória, armazena cerca de 4 mil livros.

O conteúdo do Lev também fica disponível no computador, tablet e smartphone com o aplicativo SaraivaReader.

O dispositivo portátil, com preços a partir de R$ 299, tem duas versões: o Lev Saraiva e o Lev Com Luz.


Talvez você também goste