Ciência & Tecnologia

Vivo e Oi avançam em abril, Claro e TIM recuam


A participação das operadoras de telefonia celular Vivo e Oi no mercado brasileiro cresceu em abril sobre o mês anterior, período em que a base nacional de linhas móveis ativas chegou a cerca de 273,60 milhões. Segundo dados da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), a fatia de mercado da Vivo em abril foi de 28,71% ante 28,68% em março. No mesmo período, a participação da Oi cresceu de 18,49% para 18,52%. Um ano antes, a participação da Vivo em abril era de 28,83%, enquanto a Oi mostrava 18,77%, de acordo com relatórios da agência. As rivais TIM e Claro viram suas participações caírem na comparação mensal de 27,02% para 27% e de 25,13% para 25,03%, respectivamente. Em abril de 2013, a TIM tinha fatia de 27,01% enquanto a Claro, de 24,98%. O número de linhas de telefonia celular ativas no Brasil encerrou abril em 273,598 milhões, praticamente estável sobre o resultado de março, mas 3,4% maior que a registrada em igual período do ano passado. No acumulado de janeiro a abril, o setor adicionou 2,5 milhões de linhas celulares, abaixo do volume acrescentado à base nos primeiros quatro meses de 2013, de 2,7 milhões. Às 16h14, as ações da Vivo tinham queda de 1,8%, enquanto a Oi caía 3,6% e o Ibovespa tinha desvalorização de 1,6%. TIM mostrava baixa de 2,2%. Galaxy ou iPhone? Compare smartphones topo de linha


Talvez você também goste