Mundo Tech Tecnologia

YouTube testa recomendações por hashtags e tópicos relacionados

O YouTube está sempre mexendo em seus algoritmos e sistemas, para aumentar o engajamento dos usuários e melhorar suas recomendações. Agora, uma novidade flagrada pelo The Verge mostra uma nova mecânica para a barra de vídeos sugeridos, que poderão ser controlados pelos usuários de acordo com palavras-chave relacionadas ao conteúdo visualizado.

Similar ao sistema de hashtags já usado para catalogação de conteúdo, o novo sistema deve aprimorar a barra de recomendações. Ao assistir a um vídeo, o usuário terá novas opções para controlar a playlist do que vem a seguir, com vídeos relacionados a partir de palavras-chave, produções similares no próprio canal ou em outros e a já tradicional lista “para você”, que aparece na home com uma mistura de vídeos antigos e novos de acordo com os criadores preferidos e o histórico recente de interesse.

O novo formato estaria em fase de testes com um número restrito de usuários, mas preparado para dar as caras tanto nas versões do YouTube para celulares quanto na interface para desktop. Como já acontece hoje, a reprodução de vídeos em sequência pode ser desabilitada ao toque de um botão, mas a ideia do serviço é dar um maior controle aos usuários sobre o que vem a seguir para que eles permaneçam assistindo ainda mais vídeos na plataforma.

Novas palavras-chave sob os vídeos ajudarão a controlar lista de vídeos relacionados no YouTube (Imagem: Reprodução/The Verge)

Também seria uma forma de atender melhor aos anseios dos usuários, que vivem reclamando sobre as duas pontas do espectro do algoritmo do YouTube. De um lado, está a alegação de que ele cria “bolhas de conteúdo”, não sugerindo canais ou conteúdos diferentes, mesmo que relacionados aos gostos e interesses do espectador, o mantendo sempre nos mesmos criadores e assistindo a vídeos repetidas vezes. De outro, estão as recomendações laterais que nem sempre trazem sugestões interessantes ou efetivamente complementares ao tópico que está sendo assistido, justamente por ser baseada nos mesmos sistemas de predição.

A palavra de ordem atual no YouTube é diversificar, conforme afirmou a CEO Susan Wojcicki em uma conferência com a imprensa no ano passado. E testes do tipo se encaixam, justamente, nesse tipo de iniciativa, de forma a aumentar a proximidade dos usuários entre os canais a que está assistindo e também outros que possam ser de interesse. Resta, entretanto, garantir que a coisa se mantenha assim e não gere repetições ou, pior ainda, leve os espectadores para um lado sombrio e perturbador da plataforma — como geralmente acontece.

De acordo com o YouTube, os testes do novo sistema estão em andamento e mais usuários devem começar a ver as palavras-chave aparecendo sob os vídeos nos próximos dias. Uma data de lançamento final para todos os utilizadores, contudo, não foi revelada.

Fonte: Canaltech


Talvez você também goste