Famosos

Desabafos, falta de regras e mais: Empregados revelam segredos de Angelina Jolie

Entre o divórcio de Brad Pitt e a tentativa de cuidar dos filhos como mãe solteira, Angelina Jolie não poderia fazer tudo sozinha. Por isso, ela tem uma equipe inteira cheia de babás, guarda-costas, secretárias e tudo o que ela precisa como ajuda para cuidar de seus seis filhos.

Você já se perguntou como é trabalhar para a estrela e seus filhos? Não é fácil, de acordo com vários empregados.

Nos últimos anos, muitos funcionários (e ex-funcionários) revelaram detalhes de como é trabalhar para Angelina Jolie.

Desabafos, falta de regras e mais: Empregados revelam segredos de Angelina Jolie - 1

Segredos revelados

Tentar entender os filhos de Angelina Jolie pode ser, por si só, uma tarefa muito complicada. As crianças, desde pequenas, aprenderam várias línguas, o que pode deixar as babás muito confusas.

Uma babá que trabalhou para Angelina Jolie deu uma entrevista ao Hollywood Life em que desabafou sobre o “caos” que era a convivência com as crianças. Segundo ela, as crianças falavam “o tempo todo, dia e noite” e em idiomas que ela nunca poderia entender.

Um guarda-costas também teve uma experiência incômoda com Angelina Jolie por causa de seus filhos. Ele contou ao Daily Mail que, depois que Jolie se divorciou de Brad Pitt, ele muitas vezes precisava tomar conta das crianças, o que não era bem seu trabalho e o deixava exausto.

“Eu servi como o pai das crianças, basicamente”, contou o ex-guarda-costas de Jolie.

Outra babá contou à Star Magazine que Angelina Jolie e os filhos vivem praticamente como hippies. A atriz não gosta de muitas regras.

“É como se eles vivessem em uma comunidade hippie, porque Angelina Jolie não acredita em regras. Ela acha importante que as crianças tenham liberdade, mas nem sempre isso funciona”, disse.

Também não espere trabalhar para Angelina Jolie por muito tempo. Vários empregados revelaram que foram demitidos com pouco tempo de trabalho, e isso é válido para os advogados.

No começo de seu divórcio com Brad Pitt, por exemplo, Jolie contratou Laura Wasser para representá-la. No entanto, bem no meio de tudo, Jolie simplesmente demitiu a advogada e contratou Samantha Bley Dejean para substituí-la, argumentando que poderia fornecer mais proteção aos seus filhos.

Angelina Jolie e Brad Pitt se divorciaram em 2016. Eles haviam se casado em 2014, mas já estavam juntos desde 2005.

Fonte: Observatório do Cinema