TV, Filmes & Séries

Serviço Disney+ fica disponível em alguns países, veja com funciona

Reprodução

Disney+, o esperado serviço de streaming do segmento da The Walt Disney Company, estreou nos EUA, Canadá e nos Países Baixos. Com quase 500 filmes e 7.500 episódios de televisão de Disney, Pixar, Marvel, Star Wars, National Geographic e mais, Disney+ é o lar exclusivo de algumas das histórias mais queridas do mundo, assim como de uma sólida lista de conteúdos originais prontos para serem descobertos.

Como parte do lançamento, o serviço estreou suas primeiras séries e filmes originais, entre eles: The Mandalorian a primeira série épica live-action da saga Star Wars; A Dama e o Vagabundo uma atualização do clássico animado de 1955; Noelle, um filme original de comédia natalina, protagonizado por Anna Kendrick, High School Musical: O Musical: A Série uma nova série roteirizada e ambientada no East High da vida real que foi apresentada na bem-sucedida franquia; a série documental The World According to Jeff Goldblum, da National Geographic; Marvel’s Hero Project, que comemora crianças extraordinárias que marcam a diferença em suas comunidades; “Encore”, com produção executiva da versátil Kristen Bell; The Imagineering Story, documental em seis partes da diretora Leslie Iwerks; as minisséries Pixar IRL e Disney Family Sundays e as coleções de curtas animados SparkShorts e Forky Asks A Question.

A partir de 15 de novembro, toda sexta, às 12h01 AM (horário do Pacífico) será a estreia da maioria dos novos episódios de cada série.

A partir de hoje, os assinantes podem desfrutar de:
● Filmes animados atemporais da Walt Disney Signature Collection, de Walt Disney Animation Studios, criados ou inspirados na imaginação e legado de Walt Disney.
● Três dos quatro filmes de maior bilheteria de todos os tempos: Vingadores: Ultimato, Avatar e Star Wars: O Despertar da Força.
● Trinta temporadas de Os Simpsons.
● Filmes da Marvel Studios.
● Episódios de séries do Disney Channel
● Filmes favoritos dos fãs da Pixar Animation Studios
● Mais de 600 horas de conteúdo de National Geographic
● Os seis filmes clássicos originais da saga Star Wars, lançados entre 1977 e 1999, além do recentes Star Wars: O Despertar da Força e Rogue One: Uma história Star Wars. Para o final de 2020, toda a saga Skywalker será disponibilizada no serviço.
● As séries de televisão Marvel desde a década de 1970 até a atualidade, incluindo X-Men, Homem-aranha e Marvel’s Runaways.

Os consumidores podem assinar Disney+ diretamente em DisneyPlus.com ou mediante a compra dentro do aplicativo das seguintes plataformas e dispositivos associados (conforme o país):
● Amazon (dispositivos Fire TV, smart TVs, edição Fire e tabletes Fire)
● Apple (iPhone, iPad, iPod touch e Apple TV; totalmente integrado com o app Apple TV. Os usuários podem assinar Disney+ mediante compra no aplicativo)
● Google (telefones Android, TVs com Android, Google Chromecast e dispositivos com Chromecast integrado)
● Smart TVs LG com webOS;
● Microsoft (Xbox One)
● Smart TVs Samsung Tizen
● Sony / Sony Interactive Entertainment (todos os televisores Sony com Android e PlayStation®4)
● Roku (reprodutores de streaming Roku® e modelos de Roku TV™)

Lançamento Global
Hoje é o começo da estreia global de Disney+, com expectativas de lançamento na maioria dos principais mercados do mundo em seus primeiros dois anos. Disponível agora nos EUA, Canadá e os Países Baixos, Disney+ será lançado na próxima semana na Austrália e Nova Zelândia, em 19 de novembro.

Conforme anunciado no começo deste mês, em 31 de março de 2020, Disney+ chegará aos mercados da Europa ocidental, incluindo Reino Unido, França, Alemanha, Itália, Espanha e outros países da região.

Fonte: Observatório de Séries


Talvez você também goste