TV, Filmes & Séries

Vale mesmo a pena assistir Elite?

Reprodução

Imagine se, no final do primeiro episódio de Gossip Girl, você descobrir que Serena van der Woodsen foi brutalmente assassinada. Os suspeitos: Dan Humphrey, o novo e pobre pária que se apaixonou pela princesa da escola preparatória; Chuck Bass, o sádico maníaco; e Blair Waldorf, a melhor e ciumenta melhor amiga. Agora, adicione um pouco de espanhol e você terá Elite.

Nunca ouvi falar, sobre o que é?

Elite estreou na Netflix em 6 de outubro de 2018. O programa voltado para adolescentes reuniu bastante público internacional. E foi premiado com uma 2ª temporada em apenas duas semanas após sua estreia. A 3ª temporada foi confirmada antes mesmo da estreia do segundo ano.

Três estudantes, Samuel (Itzan Escamilla), Christian (Miguel Herrán) e Nadia (Mina El Hammani) recebem entrada gratuita na escola preparatória mais exclusiva da Espanha. Isso porque a escola anterior dos jovens foi demolida em um terremoto, graças ao descaso de sua construção, que deveria cortar custos por um dos pais dos estudantes de Las Encinas.

Os três são imediatamente taxados como párias pelos outros alunos. Até que Samuel chama a atenção de Marina (María Pedraza), uma garota rica com seus próprios segredos. Enquanto os novos e antigos alunos são externamente cruéis uns com os outros, eles acabam por se envolver em suas vidas muito além dos limites de Las Ensinas.

O que traz de novidade?

Esta não é sua série típica de guerra de classes adolescentes. Aquela que você já viu um milhão de vezes. Além do mistério do assassinato (e não, não teremos esse spoiler aqui), Elite apresenta histórias pungentes com uma gama diversificada de personagens.

Nadia enfrenta suas próprias lutas como a única estudante muçulmana palestina em Las Ensinas, enquanto seu irmão Omar é deixado para trás, vendendo drogas e lutando para sair quando ele se envolve com um estudante de Las Encinas chamado Ander.

Se isso não forçar limites suficientes para você… Saiba que não para por aí! Esse show tem tudo. Uma relação poliamorosa problemática que você não pode deixar de torcer para dar certo, chantagem e extorsão de professores e uma personagem que muda a narrativa sobre o que significa ser uma pessoa vivendo com HIV.

Fonte: Observatório de Séries


Talvez você também goste